in

Patrícia Abravanel minimiza homofobia ao defender Caio Castro e Rafa Kalimann

Filha de Sílvio Santos foi duramente criticada ao fazer comentários durante programa do SBT.

Reprodução - TV Foco

Na manhã dessa terça-feira (01), no programa Vem Pra Cá do SBT, Patrícia Abravanel comentou sobre a polêmica em que Caio Castro e Rafa Kalimann se envolveram neste fim de semana. A apresentadora do programa minimizou a homofobia e disse que as pessoas “LGBTYTH” devem ser mais compreensivas.

Publicidade

Comentários feitos pela Patrícia Abravanel

Durante o programa Vem Pra Cá”, a apresentadora e filha de Silvio Santos, Patrícia Abravanel fez alguns comentários a respeito da polêmica envolvendo Caio Castro e Rafa Kalimann. Segundo a apresentadora existe um conflito de gerações, que as pessoas mais velhas criadas por pais conservadores ainda estão aprendendo e se abrindo sobre o assunto.

Para Patrícia, é um direito deles (conservadores) e indagou o porquê de “não concordar em discordar”. Segundo ela é possível ter opiniões diferentes e mesmo assim “está tudo bem”.

Publicidade

A apresentadora disse que não acredita que Caio Castro e a Rafa são preconceituosos, para ela, eles foram educados de uma forma diferente. Ainda de acordo com Patrícia, ela acha que se os “LGBTYTH” querem respeito, então eles devem ser mais compreensivos com as pessoas que ainda não entendem esse direito.

Publicidade

Concluindo a fala da apresentadora, ela disse que é difícil falar com os filhos sobre o assunto e que deve haver respeito e não massacre. Durante a entrevista apresentadora errou algumas vezes no momento de se referir às pessoas LGBTQIA+. 

Publicidade

Reação nas redes sociais

Após os comentários, as redes sociais não perdoaram a apresentadora Patrícia Abravanel. Ela foi duramente criticada por falar que a homofobia é uma questão de opinião.

Publicidade
Publicidade
Publicidade