in

Amigo de MC Kevin, VK quebra o silêncio ao falar sobre caso e desabafa: ‘Tenho sofrido e sido ameaçado’

Morte de MC Kevin está prestes a completar uma semana e alguns mistérios cercam o caso.

Metrópoles

O caso da morte do cantor Kevin Nascimento Bueno, o MC Kevin, de 23 anos, permanece sob investigação da Polícia Civil após quase uma semana do ocorrido no hotel na Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio. 

Publicidade

Amigo pessoal do funkeiro e presente no quarto quando a queda do artista aconteceu, o também cantor MC VK utilizou suas redes sociais para gravar um vídeo para desabafar sobre a perda do amigo e das acusações e ameaças que vem recebendo. Até então, o VK só havia aparecido em compartilhamento de fotos e mensagens sobre a morte de Kevin. 

“Luto! Perdi o meu amigo, um verdadeiro irmão há alguns dias. Tenho sofrido, sido ameaçado, mas continuo forte pela minha família e pela nossa história”, iniciou o funkeiro no vídeo que conta com pouco mais de 8 minutos de duração. 

Publicidade

Após falar sobre a amizade próxima que tinha com MC Kevin, VK voltou a relatar as ameaças que vem recebendo nos últimos dias. 

Publicidade

“Estou sendo massacrado, injustiçado. Estou apanhando. Estão me agredindo muito, minha família, minha filha. Estão me colocando na parede. Não tenho reação pra isso”, afirmou o funkeiro, que fez questão de reforçar que deixou o aparelho celular e está à disposição das autoridades. 

Publicidade

Investigações 

VK foi uma das pessoas que prestaram depoimento ao delegado Henrique Damasceno na 16ª DP (Barra da Tijuca). O amigo passou o último domingo (16) com o cantor, e estava com o funkeiro e uma acompanhante de luxo no apartamento 502 do hotel em que eles estavam hospedados. A companheira de MC Kevin, a advogada Deolane Bezerra, também estava no prédio, mas em um apartamento de andar superior.

Em entrevista, MC Kevin chegou a destacar que a noiva não gostava que ele ficasse sob a companhia de VK.

Publicidade
Publicidade
Publicidade