in

‘Houve brincadeira de mau gosto ou alucinação?’: delegado responde pergunta chave sobre morte de MC Kevin

Antenor Lopes, diretor da Polícia Civil do Rio de Janeiro, conversou com o Balaço Geral, da Record TV.

RECORD TV / INSTAGRAM MC KEVIN / MONTAGEM GHEAN FERNANDES

Na última quarta-feira (19), o Balanço Geral, da Record TV, exibiu uma entrevista ao vivo com Antenor Lopes, diretor da Polícia Civil do Rio de Janeiro, e esclareceu algumas questões a respeito da morte de MC Kevin. Gottino fez pergunta chave ao delegado, que não se esquivou e contou alguns detalhes das investigações sobre o caso.

Publicidade

Circula na mídia a versão de que MC Kevin teria pulado da varanda de hotel, no Rio de Janeiro, após uma suposta brincadeira de mau gosto de amigos, que teriam dito que a esposa do funkeiro estava batendo na porta do quarto; o cantor estava com uma garota de programa momentos antes de morrer. Além disso, as investigações continuam para saber se algum tipo de alucinação pode ter desencadeado o desfecho fatal.

Diante das linhas de investigações da polícia, Gottino questionou ao delegado a respeito das duas versões divulgadas pela mídia. “Houve brincadeira de mau gosto ou alucinação?”, perguntou o apresentador do Cidade Alerta ao vivo.

Publicidade

Antenor Lopes afirmou que a questão ainda não está esclarecida mas não descartou que o MC possa ter tido alucinações antes de cair da sacada. Em depoimento, amigos do funkeiro , que o acompanhava no hotel, negaram ter feito qualquer tipo de comentário sobre um possível flagra de Deolane Bezerra, esposa do cantor.

Publicidade

Ainda na entrevista exibida pelo Cidade Alerta, Antenor Lopes revelou partes de depoimentos das testemunhas e contou que um assessor do artista relatou que MC Kevin sempre dizia que morreria antes dos 25 anos, o que de fato acabou acontecendo.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade