in

Ação de MC Kevin antes de queda de prédio é revelada por testemunhas; polícia investiga apartamento

MC Kevin chegou a ser socorrido até o Hospital Miguel Couto, na Zona Sul do RJ, mas não resistiu.

INSTAGRAM MC KEVIN / IMAGEM ILUSTRATIVA

A morte do funkeiro Kevin Nascimento Bueno, o MC Kevin, de 23 anos, ocorrida no último domingo (16), em um hotel na Barra da Tijuca, no Rio, continua sob investigação da Polícia Civil, que tenta apurar qual foi realmente o motivo para o artista despencar do 5º andar do prédio.

Publicidade

O caso foi registrado na 16ª DP (Barra da Tijuca), mesma delegacia que realizou as investigações da morte do menino Henry Borel, de 4 anos, ocorrida em março deste ano, e teve inquérito encerrado após quase dois meses de apuração. Além das provas vitais para elucidação da ocorrência, o delegado Henrique Damasceno vem colhendo oitivas para identificar o que causou a queda do funkeiro. 

Na última segunda-feira (17), o delegado titular fez oitivas com a modelo Bianca Domingues e o funkeiro Victor Elias Fontenelle (MC Vitor VK). Os dois trouxeram mais detalhes de instantes que antecederam a queda do cantor. 

Publicidade

Segundo o depoimento, Victor e Kevin estavam caminhando pelo calçadão na Barra no último final de semana e avistaram Bianca em um quiosque. Os três se dirigiram para o quarto do hotel. No apartamento, eles relataram que fizeram sexo. Em certo momento, Kevin teria ido com a jovem para a varanda. Com receio que sua esposa, a advogada Deolane Bezerra, chegasse no local, ele teria tentado pular para o apartamento de baixo, se desequilibrado e despencado. 

Publicidade

A esposa de Kevin estava hospedada no quarto 1302 do mesmo hotel. Apesar de ligar e enviar mensagens para o artista, ela não saiu do seu quarto. 

Publicidade

Investigação

Para tentar elucidar o caso, a polícia fará perícia nos quartos do artista, e o de Victor e Bianca. Logo após despencar do quinto andar, MC Kevin aguardou alguns minutos até a chegada do atendimento médico. O cantor chegou a ser levado para uma unidade hospitalar da Zona Sul do Rio de Janeiro, mas acabou não resistindo aos ferimentos. A informação foi confirmada pela Secretaria de Saúde do Rio, horas depois do acidente.

Publicidade
Publicidade
Publicidade