in

Cantor sertanejo é assassinado a tiros e criminosos fogem; ele deixa filha de 1 mês

Ao lado do corpo foram encontradas cápsulas de uma pistola calibre 380.

SZNews

Os admiradores de um querido cantor sertanejo estão sofrendo com sua perda, que ocorreu recentemente. Nildo Santos, como era conhecido o artista, que tinha 55 anos de idade, foi assassinado na última sexta-feira (14/05) enquanto realizava um trabalho na construção civil em São Paulo.

Publicidade

Nildo fazia parte da dupla com o cantor Alexandre. Os dois gravaram juntos uma música em homenagem ao sertanejo José Rico e se tornaram conhecidos no meio artístico também por esse trabalho, que lhes rendeu notoriedade. O companheiro musical da vítima ainda não se manifestou sobre o assunto.

De acordo com o irmão da vítima, Nildo não tinha inimigos e trabalhava na construção civil para complementar a renda da casa. Na noite em que morreu, o artista estava fazendo uma obra em Sumaré, e, de acordo com informações fornecidas pela Polícia Militar, um carro modelo HB20 preto passou pelo local três vezes antes do crime.

Publicidade

Nildo foi chamado do lado de fora e, quando saiu, foi alvejado com vários tiros por uma pessoa que estava no banco de trás do veículo, que abaixou o vidro e começou a atirar. Um colega do profissional tentou pegar a placa do carro, mas o perdeu de vista.

Publicidade

A polícia encontrou ao lado do corpo de Nildo, cápsulas deflagradas de uma pistola calibre 380. Até o momento, a identidade dos criminosos não é conhecida. A perícia esteve no local do crime e realizou os devidos procedimentos. O irmão do cantor disse que a família está muito abalada com a perda. 

Publicidade

Nildo tinha quatro filhas, entre elas uma bebê de apenas um mês de vida.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Aurilane Alves

Escrevo sobre os assuntos mais bombados do momento, famosos, curiosidades, notícias em geral.