in

Daniela Lima, da CNN, se explica após dizer que bandidos mataram ‘só um’ policial no Jacarezinho

A jornalista usou as redes sociais para se explicar após comentário ter repercutido de maneira negativa.

Reprodução/CNN

Uma das maiores estrelas da CNN Brasil, Daniela Lima chamou a atenção ao fazer um comentário sobre a operação da Polícia Civil no Jacarezinho durante a exibição do seu jornal, o CNN 360º.

Publicidade

Ao comentar a operação da polícia, Daniela afirmou que a ação foi trágica e desastrada.

O comentário repercutiu de maneira negativa e os filhos do presidente Jair Bolsonaro, Carlos e Flávio Bolsonaro, postaram o vídeo onde Daniela fala sobre o caso com críticas à posição da jornalista.

Publicidade

Ao vivo no canal de Rubens Menin, Daniela questionou o posicionamento da Polícia: “O discurso da polícia é que estava todo mundo fortemente armado. Aparentemente, estavam muito armados, mas não sabiam atirar, né? Eram 24 armados, mataram só um [policial] do outro lado e morreram todos esses, né?”

Publicidade

Defesa da jornalista

Segundo Daniela, suas frases foram distorcidas, isso porque ela não tinha como interesse minimizar a morte do policial, mas criticar a tese de confronto. 

Publicidade

Ela continuou, afirmando que roga por um país em que a polícia não precise matar e nem morrer, que existam condições de segurança para prender quem deve ser preso para que a lei seja cumprida.

Veja o vídeo abaixo, onde Daniela critica a ação policial:

Vale lembrar que a ação na favela é considerada a mais letal da história do Rio de Janeiro, segundo associações e profissionais que trabalham com estes dados e que o Supremo Tribunal Federal restringiu operações durante a pandemia.

O Comissariado de Direitos Humanos da ONU criticou a violência e pediu que investigações imparciais aconteçam. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Italo Feitosa

Escrevo sobre TV, famosos e entretenimento desde 2011.

A atenção nos detalhes é o que nos faz prosperar.

Twitter @italopqp