in

Empresa demite funcionário que debochou do cabelo de João Luiz nas redes sociais

BBB21/Globo | Reprodução

Parece que a situação a respeito da discriminação contra o cabelo de João Luiz saiu do BBB e atingiu outros âmbitos da sociedade. Por reforçar a discriminação e fazer comentários racistas em suas redes sociais apontando João Pedrosa, participante do BBB 21, um funcionário da Seara foi demitido de suas funções na empresa.

Publicidade

Empresa demitiu funcionário por conta de comentários preconceituosos

A Seara é uma empresa do ramo alimentício que é muito conhecida no Brasil e tem anos de atuação no mercado. Um de seus funcionários, identificado como ‘sanitarista de frangos de corte’, foi afastado definitivamente de suas funções após fazer comentários preconceituosos no seu perfil do Instagram, contra o cabelo de João Luiz. 

Na última semana uma grande polícia rondou a casa do BBB 21, o sertanejo Rodolffo fez um comentário preconceituoso comparando o cabelo de João Luiz com o cabelo do personagem do monstro, que na semana era o homem das cavernas. No programa ao vivo, João desabafou sobre as formas de preconceito que já havia sofrido e comoveu a internet.

Publicidade

Funcionário havia debochado do cabelo de João Luiz

Muitas pessoas começaram a se manifestar tanto a favor do discurso de João, quanto contra ele, dizendo que o brother era vitimista, ao final das contas Rodolffo pediu perdão ao colega e antes de ser eliminado eles se resolveram.

Publicidade

Para a empresa Seara, é importante manter o respeito e a honra para todas as pessoas, por isso, eles decidiram cortar o vínculo empregatício com o funcionário em questão, pois sua atitude não compactuava com os objetivos da empresa.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Tatiane Braz

Estudante, escritora e apaixonada pela verdade, tenho como meta levar a notícia de forma clara e real. Amo ler e percebo a cada dia que um mundo melhor se faz quando o conhecimento que adquirimos é colocado em prática.