in

Boris relata momento tenso com Bolsonaro nos bastidores da RedeTV!: ‘Queria impor sua vontade’

Fotomontagem: Blog Sala de TV

O jornalista Boris Casoy, criador do bordão “Isso é uma vergonha”, atualmente usa o seu escritório-biblioteca para gravar o Jornal do Boris transmitido através do YouTube e da TV Gazeta de São Paulo, de segunda a sexta-feira, às 8h45.

Publicidade

O profissional que durante sua carreira no jornalismo já comandou redações, bancadas de telejornais e até mediou debates, comenta a tumultuada relação do atual presidente da República Jair Bolsonaro (sem partido) com a mídia brasileira e, inclusive, chega a contar uma situação tensa que viveu com o até então candidato à Presidência da República nos bastidores da RedeTV, em 2018.

Questionado sobre um momento especial de algum debate comandado por ele na TV, Casoy disse existir dois momentos marcantes: um quando o ex-presidente Lula chegou a se recusar a cumprimentar Collor, isso ao contrário do que já havia sido combinado anteriormente, e outro quando Bolsonaro ameaçou não participar do debate da RedeTV.

Publicidade

Boris relata que o agora presidente da República já estava no camarim, contudo, mesmo assim queria impor a sua vontade em relação à cadeira vazia para Lula.

Publicidade

O jornalista também comentou sobre a relação tensa de Bolsonaro com a imprensa e disse que tal relação está mais visível do que nos demais governos. Segundo ele, Bolsonaro demonstra gostar de confronto e não se importa de fazê-lo publicamente.

Publicidade

Sobre os xingamentos e palavras de baixo calão usadas por Bolsonaro contra jornalistas, Boris diz reprovar com “veemência”. Além disso, o jornalista ainda ressalta caber aos governantes conter os impulsos do presidente.

Publicidade
Publicidade
Publicidade