in

BBB21: seis fatores que podem levar Juliette à derrota no Big Brother Brasil

Reprodução/Globoplay

Juliette tem sido uma das maiores protagonistas do Big Brother Brasil 21 e com isso tem conquistado uma legião de fãs nas redes sociais. Porém, embora pareça certa uma vitória da paraibana, o jogo só acaba quando chega ao fim e até que isso aconteça sempre existirá a possibilidade da derrota.

Publicidade

Esta semana, especificamente, foi um grande exemplo de como o jogo pode mudar de uma hora pra outra. Juliette, Gil e Sarah, que antes eram conhecidos como G3 por conta da amizade, entraram em conflito e colocaram um fim na parceria.

Com tantas reviravoltas é impossível não imaginar que a vitória ainda não é certa e que Juliette ainda pode dar adeus ao programa sem colocar as mãos no prêmio. Por isso é importante ressaltar alguns pontos que podem levar a paraibana à derrota.

Publicidade

Personalidade

Um grande ponto que pode prejudicar a paraibana é sua personalidade. Logo no início a advogada sofreu com a falta de empatia do restante do grupo por conta de sua personalidade expansiva, sem contar que na época ela demonstrava uma certa obsessão por Fiuk e foi alvo de memes por conta disso.

Publicidade

Exclusão

Outra questão a ser levantada foi o período de exclusão da sister. Fiuk e Karol chegaram até mesmo a admitir que chegaram a dar um gelo em Juliette para que ela mudasse sua postura, o que acabou por afetar as alianças da advogada, que até hoje se vê sozinha em alguns momentos do jogo.

Publicidade

Papel de vítima

Vale ressaltar que Juliette não possui aliados fortes e por isso acaba sempre assumindo a posição de “sempre errada”, o que resulta em choros frequentes. Foi aí que a advogada passou a ganhar o público, porém, perdeu toda e qualquer aliança que poderia se formar na casa.

Declarações polêmicas

Após uma alta em sua popularidade, Juliette não sentiu na pele, pois não tem conhecimento do que aconteceu aqui fora, porém a sister teve alta em sua reprovação por conta de comentários a respeito da sexualidade de Lucas, sugerindo que o brother era apenas “confuso” e não bissexual.

Torcidas opostas

É de conhecimento de todos que por um bom tempo Juliette, Gil do Vigor e Sarah formaram o G3. Porém, com a separação do grupo a paraibana terá que enfrentar duas grandes torcidas opostas a sua, que terá que mostrar que é grande o suficiente para alcançar a vitória.

Camilla de Lucas

Além de todos os acontecimentos diretamente ligados a ela mesma, Julietta ainda terá que lidar com a alta repentina na popularidade de Camilla de Lucas, que conquistou um favoritismo de peso dentro e fora da casa, demonstrando ser uma grande adversária.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Higor Mendes

Redator com três anos de experiência, apaixonado por história da Segunda Guerra Mundial, política, futebol e curiosidades em geral.