in

Após intubação de Paulo Gustavo, marido conta se ator tinha comorbidades e desabafa: ‘nunca foi uma gripezinha’

Reprodução Instagram

No último dia 21, domingo, o ator, roteirista, humorista, diretor e apresentador Paulo Gustavo, de 42 anos, precisou ser intubado após uma piora em seu estado de saúde.

Publicidade

O humorista testou positivo para a Covid-19 e, no penúltimo sábado (13), precisou ser internado. De acordo com a assessoria de Paulo Gustavo, a atitude foi tomada apenas para que o paciente pudesse ser cuidado com maior atenção. No entanto, com a piora em seu quadro, a intubação tornou-se necessária.

De acordo com a assessoria do ator, Paulo Gustavo tem total consciência de seu estado e a intubação fez-se importante para que o paciente fosse submetido a uma ventilação mecânica invasiva para ser tratado de forma mais segura.

Publicidade

Desabafo do marido

Nesta segunda-feira (22), após a confirmação da intubação de Paulo Gustavo pela sua assessoria, o médico dermatologista Thales Bretas, marido do ator, manifestou-se em seu Instagram. No texto, o médico contou que Paulo queixava-se incomodado por falta de ar e que foi sedado para que a intubação fosse realizada visando acabar com a dificuldade respiratória do ator.

Publicidade

Além disso, Thales Bretas ressalta que o humorista é jovem, saudável e que sempre se cuidou. O médico também chama atenção para o fato de que Paulo Gustavo não possuía nenhum tipo de comorbidade.

Publicidade

No final, Thales agradece às mensagens de carinho e pede a todos que orem pelas vítimas da COVID-19, pois a doença “não é e nem nunca foi uma gripezinha”.

O médico e o humorista são casados desde 2015 e, juntos, possuem dois filhos, Gael e Romeu.

Publicidade
Publicidade