in

Gloria Perez é intimada a depor após assassina de Daniela Perez ir à delegacia e dizer que foi ameaçada de morte

UOL / Extra / Montagem Ghean Fernandes

Paula Thomaz, que foi condenada pela morte de Daniela Perez, procurou a delegacia junto ao atual marido e abriu uma queixa-crime contra Gloria Perez sob acusação de ameaça e difamação. De acordo com notícia exclusiva publicada pela jornalista Fábia Oliveira, do O Dia, a autora foi intimada a depor após atitude tomada por Paula Thomaz.

Publicidade

Segundo a colunista, Paula Thomaz resolveu procurar a polícia após Gloria Perez se manifestar a respeito do novo trabalho da filha da acusada de matar Daniela Perez. Na ocasião, a autora se revoltou ao saber que a criança iria ingressar na carreira de atriz e rasgou o verbo.

“Essa criminosa não tem limites. Não preservou o filho que tinha na barriga quando se fez assassina e não preserva a filha de um meio (artístico) onde terá sempre como referência ser filha de uma assassina”, escreveu Glória Perez à época.

Publicidade

Na delegacia, Paula Thomaz afirmou que sofreu represálias após o comentário da autora e foi ameaçada de morte por internautas e fãs de Gloria. Ela contou que junto da filha foi ameaçada de morte e exibiu prints de mensagens deixadas por seguidores da autora nas redes sociais.

Publicidade

Com o boletim de ocorrência aberto, Gloria Perez foi intimada a prestar depoimento, mas não compareceu à delegacia. Conforme noticiou Fábia de Oliveira, a autora enviou um advogado em seu lugar e procurou se inteirar a respeito da denúncia feita por Paula Thomaz.

Publicidade

Além da autora, internautas que escreveram as mensagens com ameaças também podem ser intimados a qualquer momento. O inquérito segue em andamento em fase de diligências, segundo divulgou a colunista do O Dia.

Publicidade
Publicidade
Publicidade