in

BBB21: Lucas faz a festa após rejeição histórica de Nego Di e web vai à loucura com recado dele para o eliminado

O terceiro paredão do Big Brother Brasil 21 entrou para a história por ter registrado a maior rejeição do reality show da TV Globo. Na disputa contra Fiuk e Sarah, o humorista Nego Di levou a pior, deixando a casa mais vigiada do país com sonoro 98,76% dos votos. Envolto em vários episódios polêmicos, o brother teve sua eliminação sendo comemorada por milhares de brasileiros, famosos ou não.

Publicidade

Ao lado de Arcrebiano, o ex-brother Lucas Penteado fez uma live nas suas redes sociais e fez a festa após o anúncio de Tiago Leifert apontando a saída de Nego Di. O ator que abandonou a disputa após forte pressão mental, celebrou bastante o resultado, dançou e ainda mandou um recado para o eliminado. 

Mensagem 

“Espero que você reconheça todos os seus erros na técnica do jogo, entendeu? Nada pessoal. Se quiser vir trocar ideia, pode chamar, tá ligado? Não, não vem chamar não, mas é isso, nada pessoal”, disparou Lucas Penteado.

Publicidade

Repercussão

Nas redes sociais, o recado de Lucas para Nego Di levou vários internautas à loucura, com muitos celebrando a eliminação recorde do humorista, e alguns já mirando a saída de outros membros do bonde. O próprio Lucas chegou a questionar os seguidores se o reality ir ter “recorde do recorde” em eliminação nesta temporada. 

Publicidade

“Eita Bil e Lucas. Gritei como vocês. A União do povo nessa eliminação foi pra tombar o bonde e deixá-los com as barbas de molho. É o gosto adocicado da Justiça”, disparou uma internauta. 

Publicidade

“Ele não foi arrogante em nada que disse. Pelo contrario, desejou sorte, apenas não quer papo. O que esta mais do que no direito. Depois de tudo que o fizeram passar lá”, disse outra usuária do Twitter.

O recorde geral em rejeições de paredões na história do BBB pertencia a Aline, do BBB5, que na oportunidade recebeu 95% dos votos. No quesito paredão triplo, Patrícia Leitte, do BBB18, era até então a mais “odiada”, tendo recebido 94,24% dos votos. 

Publicidade
Publicidade