in

MC que acusa Anderson do Molejo de abuso reafirma que era virgem; cantor chora e se defende: ‘Tudo consensual’

RecordTV | Divulgação

O caso do suposto abuso do cantor Anderson Leonardo, vocalista do grupo Molejo, a um jovem de 21 anos, parece estar longe do fim. No último domingo (14), uma entrevista feita pelo jornalista Roberto Cabrini foi exibida no programa Domingo Espetacular. Na matéria, Cabrini ouviu as versões de Anderson e do jovem conhecido como MC Maylon sobre o caso.

Publicidade

O fato teria acontecido no fim do último mês de dezembro em um hotel no Rio de Janeiro. O jovem de 21 anos afirma que entrou no local na companhia de Anderson, acreditando se tratar de uma reunião de trabalho. Porém, o MC alega que foi agredido e abusado no local.

De acordo com o site UOL, na entrevista exibida pela RecordTV, Anderson Leonardo nega veementemente que tenha abusado do jovem, afirmando que ele teria concordado em se relacionar de forma íntima. Já MC Maylon afirma que pediu para que o cantor parasse por diversas vezes, e que, inclusive, era virgem.

Publicidade

Ao ser questionado por Cabrini sobre a veracidade das acusações, o vocalista do Molejo foi enfático: “O que aconteceu foi tudo consensual, foi tudo permitido”. MC Maylon alega, ainda, que estaria enfrentando uma depressão após o abuso sofrido, e que também teria tentado tirar a própria vida.

Publicidade

Em dado momento da entrevista, Anderson não segurou o choro e afirmou que muitas famílias que dependem de seu trabalho estão sendo prejudicadas pela polêmica, já que muitos shows foram suspensos. O vocalista garantiu que, apesar da tentativa do jovem de denegrir sua imagem, tudo será devidamente provado na Justiça.

Publicidade

Publicidade
Publicidade
Publicidade