in

Delegado se pronuncia sobre o BBB 21, aponta crime contra Lucas e toma séria decisão contra Karol Conká

Rede Globo / MTV

A vigésima primeira edição do Big Brother Brasil se tornou um dos assuntos mais comentados nas redes sociais após Lucas Penteado ser massivamente perseguido por Karol Conká, que não poupa palavras para detonar o ator. Após excluir o brother do restante do grupo e se recusar a almoçar com ele, a artista pegou pesado no jogo da discórdia, apresentado ao público na última segunda-feira (01).

Publicidade

Diante do comportamento de Karol Conká, o delegado de São Paulo, Bruno de Lima, pronunciou sobre o BBB 21 pelo Twitter e foi categórico ao dizer que Lucas Penteado estaria sendo vítima do crime de injúria dentro do reality show.

“Entraremos em contato com a família dele para orientar quanto ao crime cometido”, escreveu o delegado, após Karol Conká falar poucas e boas para Lucas ao vivo na Globo. Antes do jogo da discórdia, a cantora afirmou a outros participantes que iria proporcionar uma tortura psicológica ao ator, e assim fez durante a noite, causando a revolta do público.

Publicidade

Pelos stories do Instagram, Bruno de Lima pontuou o momento em que Karol Conká ofende Lucas por diversas vezes seguidas, enquanto o ator abaixa a cabeça sem nenhum tipo de reação. “Totalmente abalado psicologicamente”, disse o delegado no vídeo.

Publicidade

Por fim, Bruno de Lima relatou que a família de Lucas seria orientada a respeito da possibilidade de processar Karol Conká por danos morais, tomando séria decisão contra a cantora. Na tarde desta terça-feira (2), o delegado voltou ao Twitter e disse que já está em contato com familiares de Lucas Penteado e prometeu trazer atualizações sobre o caso.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade