in

BBB21: participante é envolvida em treta com Justiça e reality show pode terminar em intimação dentro da casa

BBB21/Globo/Divulgação | iStock/Getty Images

A cantora Karol Conká, uma das participantes da edição de 2021 do reality show Big Brother Brasil (Rede Globo), virou alvo de uma ação judicial. O fato tem relação com uma publicidade que fez em suas redes sociais em outubro de 2020. A depender da decisão do juiz com relação à petição inicial, a Justiça poderá requerer a intimação da artista na casa do programa exibido pela emissora carioca.

Publicidade

A autora da ação é a empresária Bianka Grismino, proprietária da loja Grismino Store, que vende bijuterias pela internet a partir de hospedagem na plataforma Shopee – também alvo de processo. Ela alega ter sido lesada após firmar contrato com a cantora e plataforma para uma publicidade que direcionaria os seguidores de Karol Conká para a sua loja, uma vez que o redirecionamento do link caía na página inicial do site em questão, sem que pudesse tirar proveito da parceria.

O acordo inicial previa a disponibilização gratuita de produtos da loja de Bianka Grismino para Karol Conká, com livre escolha pela cantora. A partir de então, ela disponibilizaria o link da Grismino Store para que suas seguidoras, interessados em tais produtos, pudessem ter acesso à compra. Para tanto, precisou aumentar os estoques dos itens escolhidos pela rapper a fim de que houvesse disponibilidade para todos os interessados.

Publicidade

No momento em que a publicação foi feita no perfil de Karol, Bianka percebeu que o link redirecionava não para a sua loja virtual, mas para a página inicial da plataforma Shopee. Indignada, entrou em contato com os representantes da empresa, os quais teriam dito que nada poderia ser feito nestas circunstâncias.

Publicidade

A lojista resolveu publicar um comentário em tom de reclamação na própria postagem de Karol Conká, que respondeu da seguinte forma: “Uma pena que você preferiu resolver da maneira mais tosca vindo aqui falar sem nunca ter falado comigo antes. Isso só prova a sua falta de ética e profissionalismo”, publicou.

Publicidade

Neste momento, Bianka solicita uma indenização na casa dos R$ 230 mil como forma de reparação moral e material, contra a Shopee e Karol Conká, simultaneamente. A empresária quer ainda que a rapper seja intimada a divulgar o número de cliques realizados a partir do link, pois, em acordo, deveriam ter sido destinados para a sua loja.

Ao UOL, a assessoria de imprensa de Karol Conká alega que, até o momento, não possui ciência sobre o caso judicial, não havendo qualquer notificação.

Publicidade
Publicidade

Escrito por Henrique Furtado

Henrique Furtado é um redator com vasta experiência no jornalismo online. Solidificou sua carreira com coberturas marcantes sobre os principais acontecimentos no Brasil e no mundo ao longo da última década. Suas especialidades englobam desde os bastidores da política, versando por esportes, atualidades e, claro, tudo o que acontece no mundo dos famosos. Está sempre ligado para entregar, em primeira mão, as últimas novidades para os seus leitores, 24 horas por dia, 7 dias por semana, 365 dias por ano.

Contato: henriquefurtado.jornalista@gmail.com