in

Resumo Jesus (16/12): Barrabás e o Messias são entregues por Pilatos ao povo, que escolhem seus destinos

RecordTV

No capítulo de Jesus, na tela da RecordTV, nesta quarta-feira, 16 de dezembro, Pilatos coloca nas mãos do povo o destino do Messias e Barrabás.

Publicidade

O capítulo começa com Madalena implorando a ajuda de Cláudia, pois não quer que o pior aconteça com Jesus. A mulher pede que ela faça algo para impedir que ele seja morto pelos soldados do templo.

Conforme havia sido profetizado por Jesus, Pedro o renega três vezes. Em outro momento, Jesus é levado ao pátio da fortaleza para que o governador possa executar a sentença dele. Jesus está sofrendo muito com toda a situação.

Publicidade

Judas se arrepende de trair Jesus

Judas não consegue ter paz com seus pensamentos e se arrepende de ter feito a entrega de Jesus para os soldados do templo, pois sabe que eles farão o pior com ele. Frente a frente com Pilatos, Jesus toca o coração do governador.

Publicidade

Não tendo coragem de dar uma sentença para o Messias, Pilatos pede que levem Jesus até Antipas, pois ele dirá o que fazer com o Messias. Antipas diz que não definirá nada e pede que levem Jesus de volta para Pilatos.

Publicidade

Pilatos hesita em punir Jesus, mas depois deixa nas mãos do povo

Não sabendo o que fazer, Pilatos pensa na melhor sentença que pode dar para o Messias. Após um tempo, Pilatos pede para os soldados se dirigirem até a masmorra e trazerem Barrabás, um dos piores bandidos que existem.

Pilatos coloca Jesus e Barrabás diante do povo para que eles possam escolher quem deverá ser salvo. Aquele que não for libertado pela população, conforme determina a lei, deverá ser executado da pior maneira que existe.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Rômulo NC

Ator, youtuber e redator, Rômulo N.C é formado pela casa de artes cênicas Recriarte e sempre atuou como escritor de diversos sites.