in

Após 14 anos, Carlos Nascimento é dispensado pelo SBT: ‘Matou seu jornalismo’

Reprodução/SBT

Conhecido por suas passagens pela TV Globo e pela Bandeirantes, o apresentador Carlos Nascimento estava na emissora de Silvio Santos desde 2006, quando o dono do SBT resolveu apostar pesado no jornalismo.

Publicidade

O ex-âncora do Jornal Hoje chegou ao canal paulista há 14 anos e ocupou, entre vários trabalhos, o de âncora do SBT Brasil, programa que já havia perdido a apresentadora Rachel Sheherazade – demitida este ano pelo SBT.

De acordo com informações do colunista Maurício Stycer, do UOL, quem comunicou a dispensa do apresentador e jornalista foi o diretor do canal, José Occhiuso. O comunicado ressaltou que o trabalho de Nascimento trouxe prestígio e credibilidade aos jornalísticos que ele apresentou.

Publicidade

Dentre os comentários sobre a não renovação de Nascimento, houve quem dissesse que o SBT tenha “matado” o jornalismo:

Publicidade

Além de Carlos Nascimento e da já citada Rachel Sheherazade, o SBT abriu mão de renovar contrato com um outro nome forte de seu jornalismo: Roberto Cabrini, que agora está trabalhando na Record TV e chegou a apresentar uma matéria em homenagem ao antigo patrão Silvio Santos.

Publicidade

Novos horizontes no SBT

Sabe-se que o SBT está vivendo um momento difícil de sua história, por conta dos problemas financeiros e falta de criação de conteúdo por conta da Covid-19. O investimento da antiga TVS agora tem sido nos esportes, onde já aconteceram fechamentos de contratos com apresentadores, locutores e para exclusividade na transmissão da Libertadores e, mesmo assim, o canal tem encontrado dificuldade em entregar altos números de audiência, principalmente por ter abandonado a pauta esportiva há anos.

Publicidade
Publicidade

Escrito por Matheus Feitosa

Escrevo sobre TV, famosos e entretenimento desde 2011.

A atenção nos detalhes é o que nos faz prosperar.