in

Morre cantor amado após complicações da Covid e público fica inconformado: ‘Sentiremos sua falta’

SZNews

Nesta sábado (12/12), o cenário artístico está de luto devido à perda de uma grande estrela. Trata-se do cantor Charley Pride, que tinha 86 anos e foi a óbito após perder a batalha contra uma grave doença que o acometeu.

Publicidade

Charley Pride, que ganhou uma legião de admiradores ao longo de sua carreira, havia sido internado depois de testar positivo para o coronavírus, que provoca a Covid-19 e tem causado a morte de milhões de pessoas em todo o mundo.

Depois de complicações do problema de saúde, Charley, que se tornou uma das grandes lendas da música country, não conseguiu resistir, falecendo em um hospital de Dallas, nos Estados Unidos, onde ele morava. As informações foram divulgadas através do site de notícias Variety.

Publicidade

Charley se tornou o primeiro negro a entrar para o Hall da Fama do Country. Entre os trabalhos mais famosos do cantor estão as canções ‘Kiss An Angel Good Mornin’, ‘Just Between You and Me’, ‘Is Anybody Goin to San Antone’ e ‘Is Just Me’, que fizeram muito sucesso.

Publicidade

Charley era casado com Rozene Cohran, desde o ano de 1956, e além da esposa, deixa para trás três filhos, frutos do casamento: Dion, Angela e Kraig Pride. Até o momento a família não se pronunciou a respeito do velório e do sepultamento do artista, que deixa também um grande legado na música.

Publicidade

Nas redes sociais, o que não faltou foram mensagens de carinho e tristeza destinadas a Charley, que era muito querido: “Descanse em paz“, disse um. “Dia triste“, acrescentou outro internauta. “Sentiremos sua falta“, escreveu um terceiro.

Publicidade
Destaque: Mulher quase é presa por emagrecer demais! Confira
Publicidade
Publicidade

Escrito por Aurilane Alves

Escrevo sobre os assuntos mais bombados do momento, famosos, curiosidades, notícias em geral.