in

Estrela da música morre de Covid e fãs ficam sem acreditar: ‘baixa terrível’

Pixabay

A Covid-19, doença causada pelo coronavírus, levou mais um famoso na manhã desta sexta-feira (11). Desde o começo da pandemia, diversos artistas brasileiros morrerem em decorrência da doença que já vitimou quase 180 mil pessoas somente aqui no Brasil.

Publicidade

O país é o segundo colocado em número de mortes em todo o mundo, atrás apenas dos Estados Unidos. A exemplo de lá, a doença parece ter voltado com tudo no Brasil, depois de um período de baixa no número de mortes. Novembro não foi um mês bom para o mundo no combate à Covid.

Morreu na manhã de hoje, o sambista Ubirany Félix do Nascimento, aos 80 anos. Estrela do samba no Brasil, Ubirany foi fundador do grupo Fundo de Quintal, um dos principais grupos do gênero no país, nos anos 1970. Ele permanecia no Fundo de Quintal até hoje e ficou conhecido pela introdução do repique de mão no samba.

Publicidade

Aos 80 anos, ele foi diagnosticado com Covid-19 e estava internado em um hospital do Rio de Janeiro. Pela idade, Ubirany fazia parte do grupo de risco da doença. Nas redes sociais, os fãs do artistas estão lamentando a morte de um dos maiores sambistas do Brasil.

Publicidade

Fãs não poderão se despedir

O grupo Fundo de Quintal emitiu nota dizendo que posteriormente informaria aos fãs sobre local e horário do velório e enterro do corpo de Ubirany. Por ter morrido de Covid-19, tudo deve acontecer de forma muito rápida, seguindo os protocolos estabelecidos pelo Ministério da Saúde. Em casos assim, normalmente não há velório. Os fãs não devem ter a última oportunidade de se despedirem.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!