in

Globo e Record vivem dia de luto com morte de querido ator

Record TV / Globo

O ator Eduardo Galvão, de 58 anos, morreu na noite desta segunda-feira (6), em decorrência da Covid-19, doença causada pelo coronavírus. O ator veterano da TV brasileira estava internado há alguns dias na UTI do Hospital Unimed Rio, na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio, e seu estado de saúde era delicado. Desde a última terça-feira (1º), ele estava entubado.

Publicidade

A morte do artista está repercutindo nas redes sociais. A Record TV e a Globo estão de luto com a morte do querido ator. Eduardo Galvão trabalhou para essas duas emissoras e deixou muitos amigos nos locais de trabalho.

Na manhã de hoje, o programa Fala Brasil, da Record TV, exibiu a informação sobre a morte de Eduardo Galvão. Na emissora, o ator atuou em Avassaladoras: a Série, em 2006, e também em Apocalipse, em 2017. Eduardo Galvão também esteve no elenco de Nada a Perder e Nada a Perder 2, filmes que narram a trajetória do bispo Edir Macedo.

Publicidade

Globo se solidariza com familiares e amigos do ator

O Twitter oficial da TV Globo postou uma mensagem após a morte do ator. “Nossos sentimentos aos familiares e amigos”, escreveu acompanhado de um emoji de choro. Eduardo Galvão atuou por muitos anos na emissora. Foi lá, em 1989, que ele começou a carreira na novela O Salvador da Pátria.

Publicidade

Publicidade

Atuou também em Araponga (1990), Despedida de Solteiro (1992) e A Viagem (1994). No ano seguinte, foi contratado pelo SBT e participou de As Pupilas do Senhor Reitor (1995). Seu último trabalho na emissora foi na novela das sete Bom Sucesso, que chegou ao fim em janeiro.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!