in

Resumo Haja Coração (09/12): Giovanni é preso ao ser acusado de tentar matar Camila

Globo

No capítulo de Haja Coração, na Globo, nesta quarta (09), Giovanni é acusado de tentar matar Camila e vai preso.

Publicidade

Ainda no mesmo capítulo, Beto confessa que está completamente apaixonado por Tacinha e não consegue mais viver longe dela. Apolo diz que ele já conseguiu o que queria e vai embora sem olhar para trás.

Na mansão dos Abdala, a bomba é detonada, mas Lucrécia e Camila conseguem se proteger e saem ilesas do ataque. Tancinha não quer se separar de Apolo e implora para o piloto lhe perdoar, mas ele está decidido a seguir sem ela.

Publicidade

Shirlei é socorrida por Felipe, em Haja Coração

Felipe socorre Shirlei, que está passando mal e discute com Jéssica, pois sabe que a namorada tem culpa do que aconteceu com a empregada. Os peritos afirmam que o explosivo é uma fabricação caseira.

Publicidade

Sem nem pensar duas vezes, Enéas e o pai de Camila culpam Giovanni pelo atentado. Os dois afirmam que o rapaz seria capaz de mandar uma bomba dessa para a fotógrafa. Aparício afirma que não desistirá de Rebeca.

Publicidade

Tamara visita Fabinho com Penélope, em Haja Coração

Mesmo que a arquiteta já tenha lhe tenha dispensado, Aparício afirma que vai acabar com o casamento dela. Sem saber de nada, Giovanni vê a polícia chega em sua casa e levá-lo preso pelo atentado contra Camila.

O rapaz garante que não fez nada. Tamara e Penélope vão ao hospital para visitar Fabinho e ver como ele está. Beto quer que Adriana envie Apolo para correr nos Estados Unidos. O publicitário quer afastá-lo de uma vez por todas de Tancinha, assim o caminho ficará livre para ele de vez.

Publicidade

Escrito por Rômulo NC

Ator, youtuber e redator, Rômulo N.C é formado pela casa de artes cênicas Recriarte e sempre atuou como escritor de diversos sites.