in

Fantástico expõe depoimento de sobrevivente de colisão e detalhe gera comoção: ‘Acordei e estava no chão’

G1

O Fantástico da Rede Globo exibiu uma matéria neste último domingo, 29 de novembro, sobre o terrível acidente que matou mais de 40 pessoas em Taguaí. O Brasil inteiro se comoveu com a perda inesperada de tantas vítimas. A tragédia matou 42 pessoas no total.  

Publicidade

A 42ª vítima do terrível acidente morreu neste domingo, 29 de novembro. O homem identificado como José Paulo Luiz estava hospitalizado na cidade de Avaré e infelizmente não resistiu a gravidade dos ferimentos e morreu.

O programa da emissora dos Marinhos exibiu uma longa reportagem sobre a tragédia e trouxe importantes depoimentos. A colisão entre um caminhão e um ônibus que levava funcionários de uma empresa ocorreu nesta última quarta-feira, 25 de novembro, por volta das seis da manhã, numa rodovia simples do interior paulista. Até o momento, os investigadores trabalham com a hipótese de que o motorista do ônibus tenha realizado uma ultrapassagem em um trecho não permitido.

Publicidade

O motorista que dirigia o ônibus, Mauro Aparecido de Oliveira, conseguiu sobreviver a colisão. Em seu depoimento aos investigadores, o homem contou que precisou desviar o veículo para uma pista contrária porque o sistema de freios do ônibus teria falhado.

Publicidade

Foi realizada uma perícia no local do acidente para poder averiguar a informação do motorista. Até agora o que se sabe é que o ônibus realmente estava acima do limite de velocidade permitido na via. No trecho onde ocorreu o acidente o limite é de 80 quilômetros por hora.

Publicidade

Na reportagem exibida pelo Fantástico, a jovem Amanda Stefhanie Rodrigues comoveu com seu depoimento. “Eu dormi, na hora que acordei já estava no chão. Fui arremessada, mas estou bem graças a Deus”. O detalhe que ela traz sobre o acidente gerou comoção, pois, a moça foi arremessada e em meio ao caos, não foi ferida gravemente.

Muitos apontam que a jovem viveu um verdadeiro milagre, já que ela faz parte de um número muito pequeno de vítimas que sobreviveram ao terrível acidente. Emocionada, ela falou sobre a importância dos colegas que perdeu no acidente e ressaltou que eles eram sua família. Outros sobreviventes também deram depoimento sobre a terrível fatalidade. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Shyrlene Souza

Redatora na web desde 2016, formada em ciências contábeis, apaixonada pela redação desde criança. Escrevo sobre assuntos diversos, famosos, maternidade e notícias que se destacam no Brasil e no mundo.