in

Solidão e ociosidade: Silvio Santos longe de suas duas paixões na pandemia

Reprodução SBT

Muito antes de o presidente Jair Bolsonaro se referir aos filhos usando números (01, 02, 03…), Silvio Santos já fazia isso na TV. Pai de seis mulheres, era comum ver Silvio se referindo a elas como “filha número 1” e assim por diante. Nos últimos anos ele parou com isso porque todas elas foram trabalhar na TV, seja à frente das câmeras, seja nos bastidores.

Publicidade

As filhas sempre foram uma grande paixão de Silvio Santos. Em tempos de pandemia, porém, ele estava afastado de todas elas e dos netos. Nesta semana, Patrícia Abravanel usou as redes sociais para dizer que não está visitando os pais porque eles são do grupo de risco. Silvio tem 89 anos.

As outras irmãs de Patrícia, ao que parece, também estão fazendo o mesmo e não visitam os pais devido à pandemia de coronavírus. Idosos a partir de 60 anos e pessoas com doenças preexistentes, como diabetes, hipertensão e asma, pertencem ao grupo de risco.

Publicidade

Silvio Santos também está longe do SBT

Além de não ver as filhas e netos, Silvio Santos também longe de uma de suas grandes paixões: a TV. O dono do SBT não gravou mais o seu programa desde que a pandemia de coronavírus começou. O SBT tem levado ao ar programas que já haviam sido exibidos.

Publicidade

A história de Silvio Santos se confunde com a própria história da TV brasileira e, para muitos, ele é o maior nome deste meio de comunicação em toda a história. Apesar de estar fora do ar e sem comparecer pessoalmente ao SBT há algum tempo, Silvio continua dando ordens dentro do canal e mudando a programação a seu gosto. Somente quando tiver uma vacina é que Silvio deve retornar ao SBT e a ver toda a família reunida.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!