in

Funcionário de funerária sofre dura punição após postar foto ao lado do corpo de Maradona: ‘Um canalha’

G1

Um funcionário da funerária responsável por preparar o corpo de Diego Maradona para o velório, foi prontamente demitido após a divulgação de uma foto em que ele aparece ao lado do caixão aberto, tocando o rosto do craque argentino. 

Publicidade

Ícone do futebol mundial, Maradona morreu na última quarta-feira (25), após um quadro de parada cardiorrespiratória, em sua residência, na cidade de Tigre, na Argentina. 

Em pronunciamento, o dono da funerária pediu desculpas à família do ídolo da Albiceleste, e em entrevista dada a emissora Todo Noticias, informou que o funcionário foi “despedido imediatamente”.

Publicidade

Identificado como Molina, o homem aparece fazendo o sinal de positivo, com o caixão aberto, e ainda aparecia tocando o rosto de Maradona. A imagem viralizou na manhã desta quinta-feira (26) em grupos de WhatsApp e no Twitter. 

Publicidade

Advogado ameaça

Responsável por defender Maradona, o advogado Matias Morla repudiou o ocorrido em suas redes sociais, ofendeu Molina e prometeu tomar todas as medidas para que o autor do fato seja punido. 

Publicidade

“Por conta da viralização da imagem de Diego em seu leito de morte, eu vou pessoalmente encontrar quem foi o canalha que tirou essa foto”, disse o advogado. “Todos os responsáveis por essa covardia vão ter que pagar”, disparou Molina.

Forte comoção

O velório de Maradona está sendo realizado na Casa Rosada, e vem provocando grande comoção entre os argentinos, que se aglomeraram para dar o último adeus ao ídolo, descumprindo as recomendações de saúde que indicam a necessidade de isolamento social por conta da pandemia. 

Pelo mundo afora, clubes, jogadores e diversas personalidades já homenagearam o craque argentino, que morreu precocemente aos 60 anos.

Publicidade
Publicidade
Publicidade