in

Arrependido? Malvino Salvador chora ao revelar porque votou em Bolsonaro: ‘Fiquei angustiado’

Rede Globo / Jovem Pan / Montagem Ghean Fernandes

No último domingo (22), Malvino Salvador concedeu uma entrevista à jornalista Mônica Bergamo e abriu o jogo sobre política. O ator assumiu que votou em Jair Bolsonaro e chorou ao falar sobre sua escolha nas urnas em 2018 e a crise econômica que o Brasil enfrenta por conta da pandemia do coronavírus.

Publicidade

Malvino Salvador contou que não gosta de se abster em relação ao voto e, por isso, não costuma votar em branco ou nulo no dia das eleições. O ator considerou seu voto “pragmático” diante das opções que tinha para a presidência do Brasil em 2018.

“Foi uma escolha que eu fiz diante do que eu via, da minha insatisfação com quem poderia entrar no poder [PT]”, disse o ator, sem declarar abertamente se estaria arrependido de seu voto. Malvino destacou que o fato de ter votado em Bolsonaro não quer dizer que ele esteja apoiando o presidente.

Publicidade

Malvino Salvador chegou a chorar ao falar do assunto e ficou com a fala embargada ao comentar sobre a situação econômica do país. “Fiquei muito angustiado não só pelo que a gente passou, mas por ver muita gente quebrando”, disse o artista ao comentar sobre o fechamento de inúmeras empresas durante a crise.

Publicidade

Empresário, Malvino relatou que, com muito esforço, está conseguindo manter os seus 25 funcionários por meio de uma reestruturação do modelo de negócio. As declarações do ator repercutiram nas redes sociais e causaram revolta em parte dos internautas.

Publicidade

Muitos disseram que o fato de Malvino citar “pragmatismo” para justificar o voto em Bolsonaro não iria “diminuir a culpa” de ter escolhido pelo atual presidente. Malvino também chegou a ser criticado como empresário e o assunto dividiu opiniões na web.

Publicidade
Publicidade
Publicidade