in

Maju Coutinho abre JH com doloroso comunicado para o Brasil

Reprodução Globo

Maju Coutinho costuma abordar temas sociais importantes no Jornal Hoje. A jornalista fala duramente contra o racismo e também contra a desigualdade social. Este foi um dos temas abordados na edição desta quinta-feira (12) do JH.

Publicidade

Esta notícia foi destacada na chamada do Jornal Hoje e também foi a primeira manchete do telejornal. “A desigualdade tem cor, tem cara aqui no país porque um estudo divulgado pelo IBGE mostrou que a pobreza atingiu 52 milhões de brasileiros em 2019”, disse Maju.

“Essa pesquisa também apontou que brancos ganharam 70% a mais do que pretos e pardos. Esses resultados apresentados hoje não refletem a pandemia, mas destacam que a desigualdade no país já era bastante forte antes da crise sanitária”, finalizou a jornalista antes de a reportagem entrar no ar.

Publicidade

Jornal Hoje de Maju destaca levantamento sobre pobreza no Brasil

Na chamada da reportagem, Maju deixou claro que os dados refletem período antes da pandemia do coronavírus. Segundo os dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE), a pobreza teve queda no Brasil. A notícia triste para o país é que a extrema pobreza se manteve estável no ano passado. 

Publicidade

Isso significa que o país não foi capaz de reduzir o contingente de mais de 13,6 milhões de pessoas vivendo abaixo da linha da extrema pobreza. O Jornal Hoje destacou também que o trabalho informal pode ter contribuído para reduzir em cerca de 800 mil o número de pessoas que viviam abaixo da linha da pobreza no Brasil no ano passado. Os dados de 2020 serão divulgados no ano que vem.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!