in

Morre ator que teve carreira manchada por acusação de abuso sexual

IMDb

Um ator, que fez grande sucesso e trabalhou com diversos nomes conhecidos, morreu na última segunda-feira (09). Dramaturgo e famoso na Broadway, Israel Horovitz teve a sua carreira manchada quando várias mulheres o denunciaram por abuso sexual e violência.

Publicidade

Influente no meio artístico, o ator, que também era dramaturgo, morreu em casa aos 81 anos. Segundo informações de sua esposa Gilian Horovitz, a causa da morte do artista foi um câncer. 

A carreira do ator teve altos e baixos, seus maiores sucessos foram na Brodway e em teatros na Europa. Em 1979, ele colaborou com a criação de uma companhia teatral de Massachusetts, o Gloucester Stage, no qual desvendou diversos talentos jovens que hoje fazem sucesso nas telonas. 

Publicidade

Em 1968, ele estreou duas exibições no teatro Astor Place em Manhattan, o intitulado É Chamado de Açucareiro e O Índio Quer o Bronx. Entre o elenco estavam estrelas renomadas, como Al Pacino, Marsha Mason e John Cazale.

Publicidade

Nos anos 70, o produtor esteve a frente do grupo de teatro que fizeram apresentações no Theatre De Lys em Greenwich Village. Os atores que estiveram no elenco foram Sr. Cazale e Richard Dreyfuss. A peça fez grande sucesso que era exibida até recentemente e foi considerada a de maior duração, claro, com mudanças de atores.

Publicidade

O dramaturgo fez muitas peças e passou por Hollywood, com o roteiro do filme Autor! Autor! de 1982 com Al Pacino no elenco. O mais recente trabalho aconteceu em 2014 quando fez um adaptação de uma das suas peças no filme My Old Lady.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Ariane

Formada em pedagogia em 2011, atuo como redatora desde 2015. Produzo conteúdo sobre o que sou fã. Séries, músicas e tudo que envolve o mundo pop.