in

Gregorio Duvivier lamenta morte de integrante do Porta dos Fundos: ‘assassinaram um amigo’

Exame

Gregorio Duvivier usou o Twitter, na manhã desta quarta-feira (11), para lamentar a morte de um amigo e integrante dos Porta dos Fundos. Morreu durante a madrugada o cineasta Carlos Eduardo Barcellos Sabino, conhecido como Cadu Barcellos.

Publicidade

A morte ocorreu no centro do Rio de Janeiro. Ele havia saído da Pedra do Sal, no Santo Cristo, e pegou carona em um carro de aplicativo com uma amiga. Esta pessoa iria para a zona sul. Cadu desembarcou no centro da cidade e foi rendido perto de uma saída do metrô. 

Um amigo dele, William Oliveira, acha que Cadu foi assaltado. O cineasta teria gritado pedindo socorro por volta das 3h30. Logo depois, ele foi encontrado pela polícia, socorrido, mas não resistiu aos ferimentos de faca e morreu.

Publicidade

Duvivier desabafa após morte de amigo

Gregorio Duvivier lamentou a morte de Cadu Barcellos. “Assassinaram um amigo, um parceiro de trabalho, uma das melhores pessoas que eu já conheci na vida. Um ser humano bom. Brilhante. Família. A morte do Cadu Barcellos deixa um buraco do tamanho do mundo”, escreveu no Twitter.

Publicidade

Duvivier pediu aos internautas que assistiam ao curta Cinco Vezes Favela – Agora por Nós Mesmos. “Uma obra-prima, ele tinha vinte e poucos anos quando dirigiu”, disse. Duvivier ainda postou uma foto de Cadu Barcellos ao lado da esposa e do filho, que hoje tem dois anos.

Publicidade

Cadu trabalhava com Gregorio Duvivier no Porta dos Fundos e no GregNews, exibido pela HBO. A Polícia Civil deve investigar o que acontecer. Duvivier recebeu apoio de muita gente, incluindo famosos como Xico Sá e Marcelo Adnet.

Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!