in

Morre ator de Titanic descrito como ‘o mais bonito’

Mirror

O mundo do cinema perdeu mais uma estrela no último sábado (7). A confirmação da morte do ator veio nesta terça-feira (10) pela família e gerou comoção no meio artístico. Muito amado, John Fraser morreu aos 89 anos após uma longa luta contra o câncer e deixa um legado por sua brilhante carreira na arte. 

Publicidade

A estrela de The Dam Busters optou por não seguir o tratamento de quimioterapia e morreu em casa. Rodney Pienaar, de 68 anos, marido de Fraser foi quem encontrou o companheiro sem vida.

Fraser lutou contra o preconceito, já que na época em que assumiu a homossexualidade, a sociedade achava algo ilegal. Foi por esse motivo também que o ator decidiu se afastar da fala no auge de sua carreira. 

Publicidade

Como ator, ele fez sucesso no papel do Tenente de voo JV ‘Hoppy’ Hopgood no icônico filme de guerra Dam Busters, de 1955. Ele atuou em mais de 20 filmes, como em Tunes Of Glory em 1960 e The Waltz of the Toreadors em 1962. Contudo, nos anos 60, o ator começou a recusar papéis por conta do preconceito no mundo cinematográfico. 

Publicidade

O filme britânico fez de Fraser um galã e ele foi considerado o “homem mais bonito da Grã-Bretanha”. O ator nasceu na Escócia e começou a atuar na infância, quando iniciou testes para  Children’s Hour na BBC Radio, passou por trabalhos nos bastidores, antes de estreia em Hollywood.

Publicidade

A sua estreia foi em Titanic, de 1953. O ator chegou a discutir com o colega Ronald Lewis, que fez comentários homofóbicos durante os trabalhos para o filme The Wind Cannot Read. Seu último papel nas telonas foi em 1996 no filme Truth or Dare.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Ariane

Formada em pedagogia em 2011, atuo como redatora desde 2015. Produzo conteúdo sobre o que sou fã. Séries, músicas e tudo que envolve o mundo pop.