in

Cantor gospel Ricardo Leitte morre em virtude de complicações da Covid-19

Marie Claire

O meio gospel sofreu uma grande perda nesta última segunda-feira, 2 de novembro, Dia de Finados. O cantor evangélico Ricardo Leitte morreu após lutar pela vida por muitos dias. Ele estava internado no hospital desde o dia 15 de outubro, depois de ter contraído o coronavírus.

Publicidade

O cantor gospel Ricardo Leitte morreu em virtude de complicações da Covid-19. Infelizmente, o artista não conseguiu evoluir bem no tratamento e teve mais de 70% dos pulmões comprometidos em virtude da enfermidade que assola a humanidade desde o ano passado.

No perfil oficial do cantor gospel é possível ver que a família, amigos e fãs se uniram em uma corrente de oração pela recuperação do artista. Contudo, apesar dos esforços da equipe médica que acompanhou o caso, Ricardo Leitte não sobreviveu e acabou falecendo.

Publicidade

Em seu perfil no Instagram, é possível ver uma o comunicado falando sobre a morte do artista. Porém, detalhes sobre velório e sepultamento não foram divulgados, mas provavelmente, devido à pandemia, essas cerimônias estão restritas apenas aos familiares para evitar aglomerações.

Publicidade

“Hoje o Senhor Deus tomou para Si seu servo, Ricardo Leitte. Ficará em nossas lembranças a alegria que ele espalhou através de suas canções por todos os lugares onde passou e o legado conquistado com muito sacrifício. Ricardo vinha lutando contra a Covid-19 desde 15 de outubro e hoje essa luta chegou ao fim“, diz o comunicado na rede social do cantor gospel.

Publicidade

A modelo Andressa Urach, que recentemente voltou à mira dos holofotes com algumas declarações polêmicas sobre a sua saída da igreja, se manifestou sobre o falecimento do cantor evangélico. A famosa era amiga do artista e chegou a dizer em sua postagem que ele foi o responsável por compor a música Morri para Viver. Ela lamentou a perda precoce do artista e fez uma reflexão sobre a fragilidade da vida.

Infelizmente, o cantor se tornou mais uma vítima da Covid-19 no Brasil. O país tem apresentado queda no número de casos diários de mortos em virtude do coronavírus, mas já ultrapassou a marca de 160 mil vidas perdidas devido à enfermidade.

Publicidade
Publicidade
Publicidade