in

Morre de parada cardíaca grande nome do jornalismo da RecordTV; emissora lamenta perda

Teonotícias

Morreu neste último sábado, 31 de outubro, o jornalista Octavio Hermanny Tostes, aos 62 anos. Ele estava no Rio de Janeiro e sofreu uma parada cardíaca. Tostes trabalhou na Globo por 14 anos e desde 2011 estava trabalhando na Rede Record. O jornalista morava em São Paulo, porém estava passando alguns dias de férias no Rio.

Publicidade

De acordo com o irmão de Octavio Tostes, André Tostes, o jornalista estava no computador escrevendo por volta das às 9h quando começou a sentir mal e teve um ataque do coração. Ele era formado em jornalismo pela UFRJ – Escola de Comunicação da Universidade Federal do Rio de Janeiro, e ingressou no grupo Globo no ano de 1981.

No ano de 1987, o jornalista foi convidado para trabalhar na editoria do Jornal Nacional, no Globo Repórter, no Jornal da Globo e também atuou em grandes coberturas como as eleições presidências em 1989, na Eco-92 e na Guerra do Golfo. Já em 1994, Tostes começou a ser colaborador da CNN, trabalhando na produção de um programa internacional, retornando ao Brasil em 1999, assumindo o comando da coordenação do Jornal Nacional em São Paulo.

Publicidade

No mês de maio do ano 2000, ele foi transferido para a Globo.com, permanecendo até o mês de junho de 2001, sendo o gerente de conteúdo do portal. Depois disso, o jornalista marcou presença em outras emissoras com Gazeta, Rede Amazônica e outras importantes empresas do país. Desde 2011, Tostes estava trabalhando na RecordTV na coordenação e editoria dos telejornais da emissora do Bispo Edir Macedo.

Publicidade

Record TV lamenta morte do jornalista

A emissora lamentou profundamente expressando condolências aos familiares pela morte repentina do jornalista Octavio Tostes. O jornalista também foi repórter, mas se destacou mesmo como editor e nos últimos anos era o editor-executivo do Jornal da Record.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade