in

Após pegar Covid-19 e ficar mal, Neto defende vacina chinesa e vacinação obrigatória

Instagram Neto

Comentarista e apresentador, Neto comentou em seu canal no YouTube sobre a vacina contra o coronavírus. No começo do mês, o ex-jogador de futebol foi diagnosticado com Covid-19 e ficou mal no hospital. Craque Neto chegou a usar uma máscara de oxigênio para respirar.

Publicidade

No YouTube, ele opinou sobre a vacinação contra o coronavírus ser ou não obrigatória e também disse confiar na Coronavac, a vacina produzida pelo laboratório chinês Sinovac em parceria com o Instituto Butantan. A vacina causou desavença entre o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e o governador de São Paulo, João Doria (PSDB).

A confusão aconteceu depois de o Ministério da Saúde confirmar a intenção de compra de 46 milhões de doses da Coronavac. No dia seguinte, Bolsonaro cancelou a intenção de compra. Se depender de Neto, vai ter vacina chinesa sim. A Covid-19 já matou 157.971 mil de brasileiros, de acordo com dados do Consórcio dos veículos de imprensa. Foram registrados mais de 5.440.903 casos, incluindo aí o do próprio Neto.

Publicidade

Craque Neto defende vacinação obrigatória

Em seu canal no YouTube, Neto afirmou que topa tomar a vacina se ela vier da China e disse que o mais importante é o ser humano. “Tem que ser obrigatória para o mundo inteiro, para extinguir. Tem que ser obrigatório para o mundo inteiro”, defendeu Neto.

Publicidade

O comentarista e apresentador do grupo Band afirmou também que tomará a vacina da China. Segundo ele, não tem política nem partido. “Não tem direita nem esquerda. Eu tomo as vacinas”, completou o ex-jogador e ídolo do Corinthians.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!