in

O Que A Vida Me Roubou: Adolfo dá um tiro em Ezequiel durante discurso político

Televisa/Montagem Guti M.

Nos últimos capítulos da novela O Que A Vida Me Roubou, Adolfo irá ceder à pressão de Pedro Medina para matar Ezequiel. Com medo que o ex-governador mate Josefina, Adolfo se esconde durante um discurso político da campanha de Ezequiel para governador, e lhe dá um tiro no peito.

Publicidade

Ezequiel cai no chão diante do público, deixando Carlota e seus apoiadores assustados. Adolfo conseguirá fugir, na certeza de que está livre de Pedro agora que matou Ezequiel, mas o que ele nem imagina é que o político não morreu. Ezequiel ficará desesperado com medo que Pedro descubra que ele está vivo e o procure para terminar o serviço.

Ao saber que Ezequiel está vivo, Adolfo fica muito assustado, pois sabe que sofrerá represálias. Pedro ficará furioso ao saber que o inimigo continua vivo e ameaçará Adolfo outra vez. O Escorpião pedirá 24 horas para matar Ezequiel, e Pedro garantirá que se não cumprir com o prometido, Josefina irá morrer.

Publicidade

Enquanto isso, Ezequiel ficará escondido em casa sem nem imaginar que Pedro Medina lhe fará uma visita surpresa, mas sem a intenção de matá-lo, apenas para torturá-lo diante de Carlota, o obrigando a contar todos os seus crimes para a esposa.

Publicidade

A novela mexicana O Que A Vida Me Roubou é exibida de segunda a sexta-feira, pelo SBT, a partir das 17h30, horário de Brasília. Na reta final da trama, os capítulos têm atrasado um pouco para começar e estão mais compactos, com duração aproximada de trinta minutos.
Em novembro a novela será substituída por Triunfo do Amor, novela mexicana produzida há dez anos e que nunca foi exibida no Brasil antes.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Guti M

Redator de entretenimento e curiosidades