in

Ex-atriz da Globo vive depressão por culpa do pai biológico, empresário bem-sucedido que não quer reconhecê-la

Foto: Thinkstock/Divulgação

Simone Soares, que tem passagens em novelas da Globo, como ‘A Lua Me Disse’, ‘O Profeta’ e ‘O Astro’, enfrenta um grande problema particular que perdura desde a sua infância. Natural da cidade de Taubaté, em São Paulo, a famosa, que hoje está com os 43 anos, tenta ser reconhecida desde quando era criança pelo seu pai biológico.

Publicidade

O homem é um empresário bem-sucedido, que hoje vive na cidade de Fortaleza, capital do Ceará. Em entrevista concedida para o jornalista Leo Dias, publicada em sua coluna no Metrópoles, Simone afirma que, apesar da lentidão do Judiciário brasileiro, não perdeu as esperanças de ter a paternidade devidamente reconhecida, ainda que seja apenas para que o nome do seu progenitor consiste em sua certidão de nascimento.

Publicidade

O processo se arrasta por longos anos, causando um grande desgaste físico e mental em Simone. Mesmo assim, a esperança para um desfecho positivo segue viva. “Eu estou desde o ano de 2006 na Justiça. Já tive várias tentativas de exames de DNA frustradas, porque ele não aparece na data marcada. O exame já foi feito com os irmãos dele, mas o meu advogado questionou a veracidade do resultado e o laboratório respondeu que precisaria fazer exames com as partes presentes. Então, espero ainda que a justiça seja feita”, contou a artista durante a entrevista.

Publicidade

Publicidade

Simone Soares ajuizou um novo processo contra o pai biológico juntamente com os seus advogados após enfrentar um período de depressão. Tecendo duras críticas contra a morosidade do Judiciário brasileiro, acredita que o seu processo voltou a andar apenas após ter sido exposto pela imprensa.

A atriz encara a batalha pelo reconhecimento da paternidade como uma questão de honra. Isso porque todos os seres humanos têm o direito de saber quem é o verdadeiro pai. As dores provocadas pela rejeição e abandono, por sua vez, continuarão presentes pelo resto da vida.

Com o seu drama pessoal, o caso de Simone deu ensejo para a criação da campanha Sou filho da Mãe mas eu tenho Pai. O projeto auxiliou diversas famílias a encontrarem os seus respectivos entes, causando um grande conforto em seus corações.

Publicidade
Publicidade

Escrito por Henrique Furtado

Henrique Furtado é um redator com vasta experiência no jornalismo online. Solidificou sua carreira com coberturas marcantes sobre os principais acontecimentos no Brasil e no mundo ao longo da última década. Suas especialidades englobam desde os bastidores da política, versando por esportes, atualidades e, claro, tudo o que acontece no mundo dos famosos. Está sempre ligado para entregar, em primeira mão, as últimas novidades para os seus leitores, 24 horas por dia, 7 dias por semana, 365 dias por ano.

Contato: henriquefurtado.jornalista@gmail.com