in

Advogada afirma que Marcius Melhem teria agarrado atrizes à força na Globo: ‘Bastante violento’

TV Globo

Marcius Melhem está sendo acusado por cinco mulheres de ter praticado assédio sexual nos bastidores da emissora global. No comando do departamento de Humor da Globo, o ator teria tentado beijar á força algumas atrizes, além de mandar mensagens inconvenientes para as suas supostas vítimas. O ator afirma que não praticou nenhum tipo de abuso e diz que deixou a Globo pela porta da frente.

Publicidade

As denúncias vieram a tona através da advogada criminalista Mayra, que está representando as vítimas na Justiça. Em entrevista ao jornal Folha de São Paulo, a profissional confidenciou que são seis vítimas de assédio sexual e seis testemunhas. Existem vítimas de assédio moral, e há um grupo de apoio às mesmas, com mais de trinta pessoas.

Segundo relatos das supostas vítimas, o humorista aproveitava o seu poder para isolar e impedir que elas viessem a aceitar outros projetos no canal carioca. A especialista em leis explicou que as mulheres se sentiam presas, sem conseguir se livrar daquilo. Ele usava situações no trabalho para tentar ficar com elas à força, inclusive fazendo uso da violência.

Publicidade

A criminalista afirmou que o humorista teria usado a força física para coagir suas colegas de trabalho, o que é bastante violento.
Mayra ainda descartou que tudo tenha sido uma paixão ou uma tentativa de flerte. Ela avaliou que a linha foi cruzada, e que a zona cinzenta ficou a quilômetros de distância.

Publicidade

Sem citar nomes das suas clientes, a advogada considerou que foram casos de assédio sexual. De mulheres falando que não queria ficar com ele, e ele insistindo em agarrar, o que caracteriza violência, e se torna ainda mais sério na relação de chefe e funcionária.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade