in

Após ser demitido pelo SBT, Roberto Cabrini retorna à antiga emissora e não ficará um dia desempregado

Divulgação - SBT

Tido como um dos maiores repórteres da televisão brasileira em atividade, Roberto Cabrini não ficará nenhum dia desempregado. Em menos de um mês após receber a notícia de que seu contrato com o SBT não seria renovado, o jornalista fechou com a TV Record, onde estava em 2009, quando aceitou o convite de ir para a emissora de Silvio Santos. As informações são do Notícias da TV.

Publicidade

Aos 60 anos, Roberto Cabrini teve o seu desligamento do SBT oficializado no dia 21 de setembro. No entanto, ele ainda segue cumprindo seu contrato até o fim deste mês. Ao que tudo indica, Cabrini já deve iniciar suas atividades na Record em novembro, e com isso não ficará um dia desempregado. 

De volta à emissora de Edir Macedo, o jornalista ficará responsável pela Grande Reportagem do Domingo Espetacular, documentários de média duração, algo que fazia em 2009. Segundo o Noticias da TV, Cabrini retorna à Record com status diferente, sendo contratado como celetista, com carteira assinada. 

Publicidade

Trabalho aprovado

O trabalho de Roberto Cabrini tem um alto apreço da cúpula da TV Record. Desde o momento em que foi anunciada a saída do jornalista do SBT, a emissora de Edir já começou a se movimentar para “repatriar” o jornalista.

Publicidade

No SBT, Cabrini vinha no comando do Conexão Repórter, que ia ao ar todas às segundas. No entanto, diante do cenário de crise, a emissora de Silvio Santos não classificava o programa como rentável financeiramente, apesar de todo o seu sucesso e repercussão, uma vez que Cabrini sempre se dedicou a trazer matérias aprofundadas, e não focava nas publicidades de sua atração.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade