in

Angélica relata drama familiar e conta que o pai quase foi assassinado na sua frente: ‘levou vários tiros’

Rede Globo / Terra / Montagem Ghean Fernandes

Angélica, que está prestes a retornar para a programação da Globo com uma nova atração, gravou um vídeo para o canal da emissora, no Youtube, e recordou episódios marcantes de sua vida. Na gravação, que foi publicada na última segunda-feira (5), a apresentadora relembrou o drama de ter visto o pai ser baleado na sua frente, durante um assalto, e falou dos traumas que teve que enfrentar.

Publicidade

A esposa de Luciano Huck contou que começou na TV após sua família enfrentar um momento marcante, quando ela tinha apenas quatro anos. Angélica contou que a casa onde vivia com os pais foi invadida por assaltantes, e Francisco Ksyvicks acabou levando vários tiros em sua frente.

“Quando eu era pequena, com 4, 5 anos de idade, teve um assalto na minha casa e meu pai levou vários tiros. Eu tava na sala, ele quase morreu. Eu fiquei muito traumatizada”, relatou a apresentadora, contando ainda que, depois da data traumática, acabou se isolando e não queria ter contato com outras pessoas.

Publicidade

A apresentadora do Simples Assim contou que sua única distração passou a ser a televisão, em especial o Programa do Chacrinha. E foi assistindo uma chamada do apresentador, que Angélica começou a dar os primeiros passos rumo à carreira que trilha até hoje.

Publicidade

Angélica contou que Chacrinha anunciou um concurso para eleger a garota mais bonita do Brasil e sua família decidiu inscreve-la. Com quatro anos, a loira acabou saindo vitoriosa da disputa e venceu novamente no ano seguinte. Desde então, a artista não saiu mais da TV.

Publicidade

Recordando o passado e o trauma com a violência contra o pai, Angélica concluiu que todo drama que a família precisou enfrentar acabou se revertendo em “um mal que trouxe o bem”.

Publicidade
Publicidade
Publicidade