in

Luisa Mell agradece Jair Bolsonaro pela lei contra maus-tratos e é duramente agredida nas redes sociais

Foto: Arte/Pleno.News

Luisa Mell, uma das mais conhecidas ativistas brasileiras da causa animal, teve o seu nome envolvido em uma grande polêmica. Ela declarou apoio ao presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), após a sanção do projeto de lei que aumenta as penas para os acusados de maus-tratos contra animais.

Publicidade

Após fazer um agradecimento por meio de publicação no Instagram, o seu nome rapidamente alçou as primeiras colocações do Trending Topics do Twitter no Brasil. “Certamente ajudará diretamente nos resgates e denúncias do Instituto Luisa Mell. Obrigada, Jair Bolsonaro”, escreveu a sua conta na referida rede social.

Os críticos da ativista questionaram certa omissão no caso dos animais que morrem diariamente em virtude das fortes queimadas que assolam o bioma do Pantanal brasileiro. Entre as duras mensagens de ataque, Luisa Mell foi acusada de se preocupar mais com os cães e gatos do que com os animais da fauna braseira.

Publicidade

View this post on Instagram

Hj, terça- feira , dia 28/09/20 entra para a história da proteção de cães e gatos no Brasil. O presidente @jairmessiasbolsonaro sancionou o PL do Deputado @fredcostadep que aumenta a pena para crimes de maus tratos a cães e gatos. Certamente ajudará diretamente nos resgates e denúncias do @institutoluisamell Parabéns @fredcostadep Obrigada @jairmessiasbolsonaro ❤️repost @fredcostadep ・・・ AGORA É LEI !!!!!! Lugar de bandido covarde que maltrata animais é na cadeia. Quero agradecer todos simpatizantes, protetores independentes e ONGs na pessoa da guerreira ativista @luisamell Hoje é um marco , podemos comemorar. Finalmente, depois de décadas teremos justiça pelos animais!!!!

A post shared by Luisa mell (@luisamell) on

Publicidade

Em contrapartida, outra parcela dos internautas partiram em defesa da ativista. Alguns disseram que Luisa Mell esteve recentemente nas regiões atingidas pelas chamas no Pantanal, e que as críticas disparadas pelas redes sociais estariam se tratando de uma grande injustiça contra o trabalho da influenciadora.

Publicidade

“Luísa Mell tava até semana passada no Pantanal sempre falando das queimadas que tão acontecendo, mas ela não pode comemorar uma lei que todos os protetores de animais lutaram para conseguir, né militantes?”, foram as palavras utilizadas por um usuário do Twitter, que assumiu uma posição de defesa a Mell.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Henrique Furtado

Henrique Furtado é um redator com vasta experiência no jornalismo online. Solidificou sua carreira com coberturas marcantes sobre os principais acontecimentos no Brasil e no mundo ao longo da última década. Suas especialidades englobam desde os bastidores da política, versando por esportes, atualidades e, claro, tudo o que acontece no mundo dos famosos. Está sempre ligado para entregar, em primeira mão, as últimas novidades para os seus leitores, 24 horas por dia, 7 dias por semana, 365 dias por ano.

Contato: henriquefurtado.jornalista@gmail.com