in

Martinha de Malhação, hoje homem trans, recorda momentos tensos de sua vida: ‘chorei quando eu menstruei’

Notícias de TV/Divulgação

Bia Damini fez parte da composição do elenco da novela Malhação – Toda Forma de Amar até o início deste ano. Na trama da Rede Globo, o ator interpretou a personagem Martinha, ex-namorada do galã Filipe (Pedro Novaes). A sua principal função na história era atrapalhar o romance do estudante de Direito com a mocinha Rita (Alanis Guillen).

Publicidade

Nesta terça-feira (22), por meio de uma postagem feita em suas redes sociais, o ator fez um desabafo para os seus seguidores. Após passar por um procedimento de transição sexual, exige que seja tratado no masculino, cobrando respeito das pessoas ao seu redor, que muitas das vezes se deixam levar por preconceitos relativos à questão de gênero. 

“Meu nome de verdade é Benjamín e desejo ser tratado no masculino. Eu sou transexual e nem por isso nasci no corpo errado ou odeio minha genitália ou não me amo como eu sou”, começou o ator e cantor que abriu o coração para seus seguidores.

Publicidade

O garoto se recorda que desde os três anos de idade não se identificava em seu próprio corpo. Com isso, vários momentos de seu crescimento corporal foram marcados por grandes conflitos internos. Benjamin citou a vez em que foi privado de brincar na praia sem a parte de cima do biquíni, pois os seios já haviam se desenvolvido. Quando menstruou pela primeira vez, aos nove anos de idade, também chorou, por não se reconhecer em seu corpo.

Publicidade

View this post on Instagram

22 de setembro de 2020 12:02 benjamin quer te contar uma história. ele sou eu. nessa foto eu tinha 3 anos. aos 3 eu acreditava ter nascido no corpo errado e por muitos anos rezei antes de dormir pra acordar no dia seguinte no corpo certo, no corpo de um menino. aos 4 convenci meus amigos da escola de que eu era um menino disfarçado de menina, mas ninguém além deles poderia saber. aos 7 quando meus seios começaram a se desenvolver e eu não podia mais brincar na praia sem a parte de cima do biquini eu chorei. aos 9 quando eu menstruei eu também chorei. foram choros intermitentes que só cessaram depois de dias. porque eu nasci fêmea toda fêmea tem que ser menina. foi isso que sempre me disseram. então quem sabe seja isso mesmo. eu sou uma menina e pra sempre vou ser. mas eu não me sinto menina. não sei nem ser menina. não interessa. aprende. é assim que vai ser. enxuga essas lágrimas. engole esse choro. engole tudo o que te diferencia das outras meninas. engoli. comprei sutiã. sou uma menina. aos 12 comecei com as explosões de agressividade com a minha família e com qualquer colega na escola que me chamava de maria-macho. aos 13 escrevi uma história de um menino chamado benjamin que sentia demais. aos 14 veio a primeira depressão. terapia. remédios. aos 16 arrumei um namorado. antônio. antônio não é o nome dele de verdade. tipo beatriz. eu controlava até as roupas que o antônio usava. troca esse shorts porque não tá combinando com a blusa, antônio. aliás, não gosto dessa blusa, deixa eu escolher outra. tadinho do antônio. antônio foi uma das algumas vítimas das minhas projeções de gênero inconscientes. a verdade é que eu queria poder usar as roupas que o antônio usava. e eu até podia. mas tinha medo. aos 18 comecei a namorar ana. ana não é o nome dela de verdade. tipo beatriz. mas por 21 anos esse nome fez muito sentido. atriz. era isso que eu era. atriz de mim. quando ana terminou comigo eu percebi que eu não sabia quem eu era de fato. fui buscar. (continua nos comentários)

A post shared by BENJAMÍN (@benjamindamini) on

Publicidade

Esta sucessão de acontecimentos levaram Benjamin a desenvolver depressão aos 14 anos de idade. Foram necessários tratamentos com remédios e terapias. O longo texto publicado nas redes sociais do ator logo rendeu uma grande interação entre o público, com uma série de comentários de solidariedade e apoio para esta nova fase tão importante de sua vida.

Publicidade

Escrito por Henrique Furtado

Henrique Furtado é um redator com vasta experiência no jornalismo online. Solidificou sua carreira com coberturas marcantes sobre os principais acontecimentos no Brasil e no mundo ao longo da última década. Suas especialidades englobam desde os bastidores da política, versando por esportes, atualidades e, claro, tudo o que acontece no mundo dos famosos. Está sempre ligado para entregar, em primeira mão, as últimas novidades para os seus leitores, 24 horas por dia, 7 dias por semana, 365 dias por ano.

Contato: henriquefurtado.jornalista@gmail.com