in

JN mostra força do jornalismo da Globo e Bonner e Renata expõem Bolsonaro e Moro

Reprodução Globo

O jornalismo da TV Globo é muito criticado por alguns e muito assistido por outros. Em tempos de pandemia, o Jornal Nacional, de William Bonner e Renata Vasconcellos, tem alcançado índices de audiência elevados. Normalmente, o telejornal fica sempre acima dos 30 pontos de média na região da Grande São Paulo.

Publicidade

Hoje, o JN mostrou mais uma vez a força do jornalismo da Globo e exibiu troca de mensagens entre o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e o ex-ministro da Justiça Sergio Moro, em abril, dias antes de Moro convocar entrevista coletiva e anunciar sua retirada do governo.

Jornal Nacional exibe troca de mensagens de Moro com Bolsonaro

O telejornal de Bonner e Renata expõe as mensagens trocadas entre Bolsonaro e Moro no dia 12 de abril. O presidente reclamou de uma matéria publicada pelo jornal Valor Econômico. “Ao contrário de AGU, Moro diz que polícia pode prender quem descumprir isolamento”, dizia o título da reportagem.

Publicidade

Bolsonaro questiona Moro sobre a veracidade da reportagem e diz que qualquer ministro pode discordar do presidente desde que tenha coragem para se demitir. Moro afirma que não deu nenhuma entrevista e cita o artigo 268 do Código Penal, que fala sobre prisão e multa para quem descumprir medidas sanitárias.

Publicidade

Globo teve acesso exclusivo ao documento

O diálogo entre Moro e Bolsonaro consta em documento da Polícia Federal. A Globo teve acesso exclusivo ao conteúdo e já havia divulgado todos os detalhes mais cedo no Bom Dia Brasil, de Ana Paula Araújo, e no Jornal Hoje, apresentado por Maju Coutinho.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!