in

Artistas da novela Chiquititas que já morreram e deixaram muita saudade

RomaNews/TVhistória

A novela Chiquititas é um folhetim voltado para o público infanto-juvenil que conquistou os telespectadores de várias partes do mundo. No Brasil, Chiquititas ganhou um remake no ano de 2013 e repetiu o mesmo sucesso de outras versões fazendo o maior sucesso ao ser exibida pela emissora do apresentador Silvio Santos, o SBT.

Publicidade

No entanto, essa não foi a primeira vez que o folhetim foi exibido no Brasil. Em 1997, a primeira versão brasileira de Chiquititas foi um sucesso tão estrondoso que ganhou várias temporadas. Muitos nomes famosos começaram as suas carreiras artísticas nessa época. Famosos como Débora Falabela, Bruno Gagliasso, Fernanda Souza, Nelson Freitas e muitos outros tiveram a oportunidade de trabalhar nessa trama que ganhou o coração dos brasileiros.

A versão de Chiquititas gravada no Brasil que foi ao ar em 2013, lançou vários nomes de artistas para o estrelato. Muitos dos atores que participaram da trama alcançaram grande sucesso em sua carreira artística. No entanto, algumas celebridades que fizeram parte do elenco infelizmente já morreram.

Publicidade

Rafael Miguel

Certamente, o personagem Paçoca foi um dos grandes destaques de sua trajetória artística e o seu maior sucesso na curta carreira. O ator Rafael Miguel morreu de forma trágica no dia 9 de junho de 2019. Ele foi assassinado pelo pai da namorada que era contra o relacionamento do casal. Além do famoso, os pais dele também foram mortos. Infelizmente, o caso ainda não teve um desfecho, pois o assassino Paulo Cupertino continua foragido.

Publicidade

Sônia Guedes

Em Chiquititas, a atriz deu vida a personagem Nina Correia. Com uma longa trajetória artística, a famosa morreu no ano passado, aos 86 anos, após perder a batalha para o câncer.

Publicidade

Gésio Amadeu

Personagem muito querido pelo público, o ator Gésio Amadeu deu vida ao grande Chef Chico na trama que foi ao ar na década de 90. Infelizmente, ele se tornou mais uma vítima da Covid-19 e morreu no começo do mês de agosto.

Publicidade
Publicidade
Publicidade