in

Globo transforma amigas bandidas em casal de lésbicas no retorno de Amor de Mãe

Globo

A novela Amor de Mãe, da Rede Globo de Televisão, vai ter o seu retorno apenas no ano que vem. No entanto, o telespectador do folhetim vai ter muitas surpresas. Algumas até extraordinárias. A autora da trama, Manuela Dias, decidiu transformar uma dupla de amigas bandidas em lésbicas. Ou seja, elas formarão um casal nesse retorno. 

Publicidade

As personagens Leila (Arieta Corrêa) e Penha (Clarissa Pinheiro) terão uma paixão acesa, após praticarem golpes na praça. As informações foram dadas pelo site do jornal carioca Extra, sendo repercutidas em outras colunas voltadas ao entretenimento, como a Sala de TV, do Terra. 

A situação se torna ainda mais curiosa porque a ex-mulher de Magno (Juliano Cazarré) passou boa parte da trama fingindo ter vários problemas de saúde, tudo isso para não ter nenhuma chance de perder o filho de Lurdes (Regina Casé). Já Penha também foi muito apaixonada por Belizário (Tuca Andrada). Ela também se relacionou com outro policial, que acabou falecendo no decorrer da trama. 

Publicidade

Já há até previsões no roteiro sobre esse romance. Haverá até um beijo lésbico entre as bandidas. Nem mesmo a pandemia de coronavírus deve impedir a paixão das personagens de acontecer. 

Publicidade

Apesar do beijo já estar previsto, de acordo com o blog Sala de TV, a decisão final sobre a exibição ou não da cena, ficará a cargo de José Luiz Villarim, que é o diretor artístico do folhetim. Vale lembrar que a Globo já mostrou beijos com mulheres, mas o tema sempre provoca polêmica. Em América, com um casal de homens, o beijo final do personagem de Bruno Gagliasso, por exemplo, foi cortado de última hora. 

Publicidade

Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.