in

Entenda o fim obscuro de Todo Mundo Odeia o Chris

Mercado Livre

O seriado de Everybody Hates Chris, ou traduzido para o português Todo Mundo Odeia o Chris foi uma série estadunidense gravada entre os anos de 2005 a 2009. A série era uma comédia dramática que contava a vida de Chris Rock, comediante americano que teve uma vida bem tumultuada em sua infância e adolescência.

Publicidade

O seriado que teve término em setembro de 2009 contou com um total de 4 temporadas. A história começa quando Chris tem 13 anos, é nessa época que a família dele se muda para Bed-Stuy, no subúrbio do Blooklyn. Chris é o filho mais velho de um total de 3 filhos. Seus pais Rochelle e Julius trabalham fora e ele fica responsável pelo irmão mais novo Drew que é mais alto, bonito e sortudo que ele e Tônia que é uma menina mimada que os pais fazem de tudo por ela.

Sua infância e adolescência foram bem tumultuadas

O clímax da história acontece na escola do menino. Apesar de ter muitas escolas perto de onde ele mora, sua mãe prefere colocá-lo em uma escola longe onde só tem crianças brancas. A escola se torna o pesadelo do menino, mas ele consegue fazer um grande amigo Greg. Essa série conquistou o coração de milhares de pessoas, mas o último episódio deixou muitas pontas soltas.

Publicidade

O episódio que encerra a série começa com a ansiedade de Chris em descobrir se conseguiu passar no supletivo que definiria seu futuro acadêmico. Ele e a família vão para uma lanchonete onde o resultado será revelado, mas o resultado não é divulgado, pelo contrário, um homem estranho de óculos fica encarando a família que canta a música “Livin on a prayer”. E só, mais nada, nenhum desfecho concreto.

Publicidade

O fim que ninguém esperava

A verdade é que o fim precoce do seriado tem um motivo muito forte. A história perderia todo o humor se tivesse sido continuada. Apesar do seriado ter algumas vertentes na ficção, em sua maioria era baseada em fatos reais da vida de Chris Rock. Sendo assim, Julius, o pai de Chris viria a óbito pouco tempo depois do resultado negativo do supletivo, isso mesmo, ele não passou no exame e decidiu seguir a vida como comediante.

Publicidade

Rochelle ficou devastada com a morte do marido e isso não seria interessante de se passar em um seriado humorístico. A única coisa feliz que aconteceu depois desse episódio na vida de Chris Rock foi que o homem estranho que o encarava era na verdade seu agente que o levaria a ser o comediante de sucesso que é hoje.

Publicidade
Publicidade

Escrito por Tatiane Braz

Estudante, escritora e apaixonada pela verdade, tenho como meta levar a notícia de forma clara e real. Amo ler e percebo a cada dia que um mundo melhor se faz quando o conhecimento que adquirimos é colocado em prática.