in

Êta Mundo Bom!: após sair da prisão, Araújo passa óleo de peroba para pedir emprego a Anastácia

TV Globo

Araújo irá passar óleo de peroba para lustrar a sua ‘cara de pau’ e pedir seu emprego de volta para Anastácia. Convencida por Celso a dar uma nova oportunidade ao advogado, a ricaça o aceitará de volta na empresa, mas com algumas restrições.

Publicidade

O pai de Claudinho foi preso depois que confessou em juízo ter se aliado a Sandra para dar um golpe na milionária. Ele deixará a prisão nos próximos capítulos do folhetim de Walcyr Carrasco disposto a recomeçar a sua vida do zero.

Convicto de que ninguém dará emprego para um ex-presidiário, ele pedirá ajuda para a mãe de Candinho. O personagem de Flávio Tolezani dirá que precisa trabalhar, mas ninguém dará oportunidade para quem tem um processo nas costas.

Publicidade

A matriarca se revoltará dizendo que confiou nele, e acabou sendo roubada.
Porém, Celso surpreenderá a tia e a noiva ao interceder em favor do antigo administrador da fábrica. 

Publicidade

O galã terá que rebolar para convencer a tia a devolver o posto de confiança para Araújo. O jovem argumentará que o homem cometeu muitos erros, mas sabe o quanto ele pode fazer pela Aroma. E gostaria de trabalhar com ele na empresa.
Maria complementará que Araújo voltou atrás, se arrependeu e devolveu o que roubou. 

Publicidade

No início, a mulher de Pancrácio dirá que ele tem uma personalidade inconstante, e ainda a atacou no tribunal.
Porém, ela respirará fundo e passará uma borracha no que passou diante da insistência de Celso. O noivo de Maria emendará que o advogado não cometerá mais nenhum ato desonesto, pois ele será o primeiro a perceber. 

Anastácia arrematará que ele terá o emprego de volta, mas com a condição dele jamais levar algum documento para ela assinar. Caso ele ande fora da linha, será expulso sem chance de volta.

Publicidade
Publicidade
Publicidade