in

Maju Coutinho presta homenagem a ator de Pantera Negra, após morte: ‘Wakanda Forever’

TV Globo

Neste sábado, 29 de agosto, a apresentadora do Jornal Hoje, Maria Júlia Coutinho, surpreendeu a todos quando ao vivo decidiu prestar homenagem ao ator Chadwick Boseman (1976-2020). O momento ocorreu na manhã, durante o É de Casa. O programa conta com uma participação do Jornal Hoje, que traz os seus destaques. A morte de Chadwick Boseman, é claro, virou um dos principais assuntos do dia e Maju Coutinho lembrou o fato. 

Publicidade

Além de falar sobre a morte de Chadwick Boseman, Maju fez o símbolo que ficou marcado no filme Pantera Negra, longa mais famoso do ator. Cruzando as mãos, ela fez o ‘Wakanda Forever’. A frase ficou marcada no longa, que foi o primeiro da Marvel com um protagonista negro. Pantera Negro ainda fez a empresa ganhar 3 oscars. 

Maju Coutinho disse o bordão do personagem de Chadwick Boseman, quando se dirigia aos demais apresentadores do É de Casa. O cumprimento com as mãos cruzadas é comum ao longo de Pantera Negra.  “É isso, Wakanda forever. Eu assisti a esse filme, é muito bom”, disse Maju, que é uma das maiores representantes da beleza negra no Brasil.

Publicidade

O ator, vale lembrar, tinha apenas 43 anos de idade. Ainda na época das gravações de Pantera Negra, ele estava com o câncer, mas isso não o impediu de fazer o longa. 

Publicidade

“É com um luto imensurável que confirmamos a morte de Chadwick Boseman. Ele tinha sido diagnosticado com câncer no cólon de nível 3 em 2016, e lutou com a doença nos últimos quatro anos enquanto ela progredia para o nível 4”, disseram os familiares de Chadwick Boseman por meio do Instagram do artista. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.