in

Em mensagem a deputadas, Flordelis expõe sua situação: ‘Hoje dependo de cestas básicas para comer’

Veja Abril

Na madrugada desta sexta-feira (28), a deputada federal Flordelis fez um apelo às deputadas que compõem a mesa da Câmara ao seu lado. Flordelis foi denunciada pelo Ministério Público por ter sido a mandante do assassinato do próprio marido, o pastor Anderson do Carmo, executado a tiros em junho do ano passado.

Publicidade

Até o momento, a deputada não foi presa, por possuir foro privilegiado. De acordo com o site CNN, Flordelis pediu ajuda às colegas e reafirmou não ter culpa pela morte do marido. A pastora também relatou que está passando por uma grave crise financeira.

Flordelis destacou que não possuía nenhum motivo para tirar a vida do marido, tampouco por questões financeiras, já que, segunda a deputada, Anderson do Carmo faleceu com as contas no vermelho. A pastora revelou, ainda, que está vivendo com metade de seu salário como deputada, pois havia adquirido empréstimos bancários.

Publicidade

Ganhei a reforma da minha casa, porque estava cheia de vazamentos e hoje dependo de cestas básicas para comer com meus filhos, porque pago financiamento da minha casa, luz, água, gás, remédios”, disse Flordelis na mensagem.

Publicidade

A deputada contou, ainda, que veículos de imprensa estariam tratando o caso de maneira sensacionalista, e que políticos também possuíam o interesse de derrubar o seu mandato. Dois dos filhos de Flordelis estão presos pela morte de Anderson do Carmo desde o ano passado.
Na última segunda-feira (24), o Ministério Público denunciou a deputada e mais 10 familiares por envolvimento na morte do pastor.

Publicidade
Publicidade
Publicidade