in

Marina Ruy Barbosa responde crítica de Walcyr após matá-la em novela: ‘Não queria só o sensacionalismo’

Instagram Marina Ruy Barbosa

A atriz Marina Ruy Barbosa é um dos nomes mais conhecidos do Brasil e voltou ao centro das atenções, após o autor Walcyr Carrasco dar uma entrevista à jornalista Márcia Piovesan, para o site da revista Caras. Na conversa, o autor confirmou que matou a personagem de Marina Ruy Barbosa na novela Amor à Vida, em 2012, pois na época a famosa teria se recusado a raspar o cabelo.

Publicidade

Walcyr disse ainda que a famosa sabia que o personagem teria que raspar a cabeça e que fez a mudança de última hora, não dando tempo para o autor realizar mudanças no roteiro – ou da equipe da novela encontrar a chamada peruca que simula uma careca.

A treta entre Carrasco e Marina foi “ressuscitada”, sete anos após a história e, pelas redes sociais, Barbosa rebateu o autor. Ela o desmentiu, dizendo que não teve qualquer encontro antes da novela e que não rasparia a cabeça só por sensacionalismo. Ela ainda revelou que gostaria que a enfermidade fosse tratada com atenção e respeito. 

Publicidade

Em seu Twitter, Marina Ruy Barbosa explicou que recusou mudar o cabelo, pois “não queria só o sensacionalismo“, reafirmando que ficaria careca se “valesse à pena“, “para tratar da doença com muito respeito e atenção“, o que, segundo ela, não foi feito pelo autor. 

Publicidade

“Nunca falei sobre isso e sei que o que não faltam são histórias bem distantes da verdade. Aproveitando a fala do Walcyr, ‘desisti’, pois o que tinha sido combinado e dito pra mim sobre a história, sobre a personagem, não foi feito. Do lado de cá, com as informações que eu tinha, de uma coisa estava certa: como atriz, não queria só o sensacionalismo”, disse a atriz sobre o assunto. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.