in

Sara Winter pode ser presa, segundo advogados, após divulgar nome da menina de 10 anos

UOL

Sara Winter acabou arrumando uma complicação daquelas na sua vida. A ativista política, que já chegou a ficar presa nesse ano, pode ir parar novamente na cadeia. A informação foi analisada por advogados ouvidos pelo portal de notícias G1. Sara Winter
acabou expondo dados de uma menina de apenas 10 anos que engravidou do próprio tio. O homem, de 33 anos, que não teve ainda a identidade revelada, foi preso na madrugada desta terça-feira, 18 de agosto.

Publicidade

Além de divulgar o nome da menina, Sara Winter
contou ainda em que hospital a garota realizaria o procedimento. A menina, oriunda da cidade de São Mateus, no Espírito Santo, viajou até Pernambuco para passar pelo procedimento. Já a prisão do tio dela ocorreu em Minas Gerais. 

Sobre Sara Winter
, segundo advogados, a divulgação do caso viola o chamado Artigo 17 do Estatuto da Criança e do Adolescente. A lei assegura a preservação da identidade da criança vítima de abuso. Além de supostamente ter violado o artigo 17, Sara Winter
também pode ter cometido a violação de outro artigo da constituição, o 286. 

Publicidade

Nele, é proibido a incitação da prática de crime. A informação foi dada ao UOL pelo advogado Ariel de Castro. Lembrando que a justiça já mandou que posts relacionados ao caso fossem apagados das redes sociais. 

Publicidade

“Se o ministro Alexandre de Moraes entender que é o caso de decretar novamente a prisão preventiva, ele pode pedir com base no perigo à ordem pública”, disse o especialista, que prossegue. “E o fato de alguém responder por um crime e praticar outro, principalmente incitação a um crime, que é contra a paz pública, pode fundamentar a decretação da prisão.”

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.