in

Novo Mundo: duelo pelo amor de Leopoldina põe fim na amizade de Pedro e Bonifácio

TV Globo

Leopoldina será a responsável pela maior crise política do governo de Pedro em Novo Mundo. O príncipe irá romper com um dos seus principais ministros quando descobrir que Bonifácio está apaixonado pela arquiduquesa. Mordido de ciúme, o nobre irá declarar guerra ao conselheiro da trama das seis.

Publicidade

O filho de dom João 6° voltará a ceder aos encantos de Domitila e passará a noite com ela. O aristocrata não irá gostar de chegar em casa pela manhã e dar de cara com o marido de Narcisa. O mulherengo questionará o que ele está fazendo no local, e se por acaso passou a noite por lá.

O político explicará que a personagem de Letícia Colin surtou depois de ter recebido uma carta escrita pela própria irmã de Francisco. Bonifácio revelará que a princesa ficou muito abalada. Uma vez que a amante fez questão de comunicar que estava com Pedro, e como de costume, fez provocações cruéis e covardes.

Publicidade

O personagem de Felipe Camargo não irá pensar duas vezes antes de afirmar que Pedro é o culpado por tudo isso. O estudioso aconselhará o rapaz a não negar, nem enganar Leopoldina. Afinal, ela é uma mulher inteligente e muito sensível.

Publicidade

Ele tomará uma invertida do monarca ao ouvir que acha engraçado a forma como ele se refere à sua esposa. O pegador vivido por Caio Castro perguntará se deve pensar mal a respeito de Bonifácio.

Publicidade

Com medo de ser traído, Pedro colocará seu homem de confiança contra a parede. Deixando Bonifácio boquiaberto, o monarca dirá que ainda não conversaram sobre o dia que chegou em casa e viu os dois muito próximos a um passo de se beijarem. O acadêmico protestará que está se sentindo constrangido.

O regente insistirá que é isso mesmo que ele pretende. O estadista ficará fora de sério dizendo que a imperatriz está grávida, precisa de apoio e se preocupa com a saúde dela.

Publicidade
Publicidade