in

Datena faz alerta importante sobre auxílio emergencial ao vivo na Band

Reprodução: Band / Caixa

José Luiz Datena fica no ar por mais de três horas diariamente no Brasil Urgente, exibido pela Band. Durante o programa, o apresentador exibe reportagens, interage ao vivo com repórteres e dá opinião sobre praticamente todos os temas. Nesta quarta-feira (5), Datena falou sobre o auxílio emergencial.

Publicidade

No Brasil Urgente, o apresentador já entrevistou o ministro Onyx Lorenzoni (Cidadania) algumas vezes para falar sobre um tema de interesse nacional: o auxílio emergencial. O benefício está sendo pago a mais de 60 milhões de brasileiros todos os meses desde abril.

Datena comentou a frase do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), que afirmou que não dá para continuar pagando o auxílio emergencial, que representa gastos de mais de R$ 50 bilhões todos os meses para os cofres públicos. Cinco parcelas foram ou estão sendo pagas.

Publicidade

Datena teme convulsão social

Falando para milhares de pessoas, Datena comentou sobre o desemprego e o pagamento do auxílio emergencial. “Gente desempregada pra caramba. Pra mim tem uns 20, 25 milhões de pessoas desempregadas, entre os informais e aqueles que desistiram de procurar emprego e armaram um botequinho, uma lojinha e quebraram também na pandemia”, afirmou o apresentador (veja entre 02:06:40 até 02:08:15 no vídeo abaixo).

Publicidade

“Eu calculo que tenha 20, 25 milhões de brasileiros, o que não é pouco. Se o auxílio emergencial não estivesse sendo pago agora, a gente já estaria em convulsão social. Porque como disse o Bolsonaro, R$ 600 é pouco, mas para quem não tem nada é alguma coisa. Tem gente que está vivendo disso. Se você cortar isso e não aprovar o Renda Brasil, não sei o que vai acontecer com o Brasil”, disse Datena.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!